R. Kelly é condenado por extorsão e tráfico sexual de mulheres e menores

0
R. Kelly é condenado por extorsão e tráfico sexual de mulheres e menores

Após mais de 25 anos de acusações e um julgamento no tribunal federal de Nova York que durou sete semanas, o cantor de R&B R. Kelly foi considerado culpado de acusações que incluem exploração sexual de uma criança, suborno, extorsão e tráfico sexual envolvendo cinco vítimas.

Kelly agora irá enfrentar uma possível sentença de 10 anos de prisão.

Houve quatorze atos subjacentes associados à acusação de extorsão. O júri concluiu que o governo provou doze desses atos, envolvendo cinco vítimas: a cantora Aaliyah, bem como mulheres chamadas Stephanie, Jerhonda Pace, Jane e Stephanie. Três atos associados a uma suposta vítima chamada Sonja não foram provados. (A maioria das supostas vítimas usava seus primeiros nomes ou pseudônimos.) O governo precisava de provas de apenas dois dos atos de extorsão para uma acusação de culpado.

Promotores federais no Distrito Leste de Nova York provaram com sucesso a um júri de sete homens e cinco mulheres que Kelly havia sido o chefe de uma empresa criminosa, cujo objetivo era atrair meninas, meninos e mulheres para o cantor de R&B para sua satisfação sexual.

Para receber o melhor conteúdo sobre a comunidade negra em primeira mão, acesse https://t.me/SiteMundoNegro e se inscreva em nosso canal no Telegram.

Comments

No posts to display