Música dá oportunidade a Gxlden, que mostra a essência do cria da favela em novo videoclipe

0
40

Após o lançamento do single “Coretando Notas“, em maio deste ano, Gxlden volta com tudo e mostra o valor do Morro do São João no videoclipe “Respeita o Cria“, dirigido, filmado e editado por Fabiano Braga, da Alphan9ve, com a assistência de Thiago Diogo e do próprio Gxlden. A música tem produção de Pedro Soffiatti, da UFO Records, produtora que o rapper também faz parte.

O intuito de Gxlden no clipe é enaltecer a comunidade onde ele mora, independente dos problemas locais. “A ideia por trás do vídeo a própria música já diz “Respeita o Cria”, respeita quem vem da favela porque aqui também tem muito valor, tem muita gente boa e gente promissora que só precisa de uma oportunidade, um impulso. A ideia é essa ! É muito bom sempre gravar por aqui, é o terceiro clipe que gravo na minha comunidade. As pessoas sempre me recebem de braços abertos, querem aparecer no vídeo, estão sempre sorrindo e esse é o lado bom da comunidade“, explica.

Na próxima quarta-feira (13) ele irá lançar seu primeiro EP pela UFO Records, intitulado “Visões de Cria“, que possui oito faixas e conta com produções de Soffiatti e Charles Boricceli. A arte da capa foi feita por Francini Ramos, com fotos de Marcus Forster.

Arte: Francini Ramos // Foto: Marcus Forster

No disco, o rapper pretende, de fato, passar as visões de um cria. “O nome desse CD é bem significativo pra mim. […] Apesar de sermos marginalizados, o que aconteceu pra ser marginalizado, o que ele passa, os sofrimentos, o que ele vê, o que ele acha do mundo, o que ele acha que as pessoas acham dele, é isso que eu quero passar nas músicas, além de motivar os crias. Mostrar as pessoas que você pode chegar a algum lugar e eu sinto que hoje em dia ainda não conquistei nada, não tem muita coisa pra conquistar, mas o pouco que eu conquistei, consegui influenciar muitas pessoas. E fico muito feliz porque são pessoas que têm a mesma realidade que eu, sabe?“, explica.

Assista o videoclipe de “Respeita o Cria”.

Comments

comments