Jogo da memória ‘Sankofa’ mantém viva a memória de mulheres negras da América Latina

0
783

O Jogo da Memória Sankofa foi desenvolvido por Izabelle Simplicio, Nina da Hora e Taynara Cabral. Com o objetivo ser mais uma das ferramentas, que contribuem para manter viva a memória e a história de mulheres negras dos países da América Latina. “Trazer à memória esse legado para os dias de hoje significa não só reconhecer o passado, mas nos serve como inspiração e projeção de futuro. O nome Sankofa foi escolhido justamente por isso, que segundo a filosofia do povo Akan, significa ‘nunca é tarde para voltar e apanhar aquilo que ficou atrás’. O projeto foi desenvolvido sem nenhum financiador”.

Ao longo da história, nas mais diversas áreas, mulheres negras ocuparam a linha de frente da luta pela liberdade, pela garantia de direitos e de possibilidades de futuro. Com batalhas travadas tanto no campo de guerra, como na articulação política, na produção intelectual e artística, mulheres negras utilizaram, e seguem utilizando, de variadas ferramentas que hoje moldam um acervo extremamente rico de legado e estratégia.

As peças do jogo trazem ilustrações de 12 mulheres que marcaram a história de 6 países da América Latina: “Conhecer o passado, construir no presente e projetar novas possibilidades de futuro. A movimentação de mulheres negras transcende todos os ciclos do tempo”.

O material é gratuito e está disponível em duas versões: para imprimir e para jogar on-line, pensando justamente no alcance e na acessibilidade de cada um desses formatos.

Jogo online: bit.ly/Sankofa-Jogo
Jogo para imprimir: bit.ly/Sankofa-jogo-imprimir
Projeto: bit.ly/Sankofa-Projeto

Comments