Homem negro de 40 anos é espancado até a morte por seguranças do mercado Carrefour

0
62083
Foto: Divulgação/Video

19 de novembro de 2020, vésperas do Dia da Consciência Negra um homem negro de 40 anos é espancado até a morte no Hipermercado Carrefour. Essa é a notícia, enquanto muitos discutem sobre fala polêmica de Morgan Freeman, um de nós é morto.

João Alberto Silveira Freitas é mais uma vítima fatal do racismo no Brasil, o mesmo que nos tirou João Pedro, Miguel, Rogério e muitos outros.

O homem negro de 40 anos foi assassinado por seguranças da rede de supermercados Carrefour, a vítima foi espancada até a morte na porta do supermercado, no bairro Passo d’Areia, na zona norte de Porto Alegre. De acordo com informações, João Alberto havia discutido com dois seguranças do estabelecimento.

Segundo a Brigada Militar, a confusão teve início no caixa do supermercado, onde a vítima discutia com uma funcionária. A vítima teria ameaçado agredir a mulher, que chamou os seguranças.

Após ser retirado do local, a discussão continuou entre João Alberto e os seguranças, que covarde e incessantemente desferiram diversos socos na cabeça da vítima. Enquanto a vítima era agredida brutalmente, uma funcionária filmava de perto toda a situação. Três pessoas foram detidas.

“No momento, ainda não podemos determinar o que de fato ocorreu. Não encontramos nenhum armamento no local. Agora, vamos ouvir todos os envolvidos e ver o que está nas câmeras para saber o que exatamente aconteceu”, disse o delegado Leandro Bodoia.

Com informações da GZH.

Comments