“Viva o presente e não negue o passado”, diz voz de Maya Angelou no clipe teaser  do HomeComing, filme/documentário que Beoyncé apresentará ao mundo dia 17 de Abril, pela Netflix.

Não se sabe muito do que se trata, mas pelas cores e fontes (letras) dos anúncios complementados pelas imagens do teaser, tudo indicada que o especial será sobre a participação história da cantora no Coachella, onde ela foi a primeira mulher negra a ser destaque principal do evento em 19 anos.

Beyoncé

Um olhar profundo sobre a performance da Beyoncé no Coachella de 2018. #BEYONCEHOMECOMING

Posted by Netflix on Monday, April 8, 2019

Não por acaso, HomeComing também é o nome do programa de bolsa de estudos lançado por QueenB. Pelo texto que apresenta o programa é evidente que o show foi pensado para destacar ainda mais o quanto os valores educacionais são importantes para artista, sobretudo  sobre a necessidade de se investir em mulheres negras.

O programa foi lançado no mesmo ano de Lemonade, em 2017 para apoiar mulheres negras “que pensam fora da caixinha”. A bolsa de estudos, “The Formation Scholars Awards Program” doou um valor de 25 mil dólares por estudante, por um ano, 2018/2019 (o que equivale a quase 97 mil reais).

Como informa o site BeyHive, HomeComing  (voltando para casa), trata-se  também de uma tradição dos Estados Unidos, onde colégios ou universidades organizam eventos para dar boas vindas aos estudantes no retorno das atividades escolares.

“Além das tradicionais bandas marciais que vemos nos filmes e séries, também acontecem partidas de algum esporte (futebol americano, futebol, basquete, etc), bailes de dança, banquetes, desfiles, entre outras atividades”, diz o site.

 

 

Comments

Comentários