Grávida de 8 meses , Tia Má é vítima de discurso de ódio no Twitter

0
2795
A jornalista Maira Azevedo - Foto: Reprodução Instagram

A fama de rede tóxica do Twitter ganhou mais um reforço nessa segunda-feira. A jornalista Maíra Azevedo, a Tia Má que assumidamente tem opinião sobre tudo, resolveu falar sobre a expressão “passar pano”, muita usada na Internet quando queremos dizer que perdoamos ou toleramos um ato falho de alguém, pode ser também dar uma desculpa, se esquivar..

Para a jornalista, grávida de 8 meses, a expressão deveria ser abolida por ser classista, elitista e racista porque seria associada aos trabalhos domésticos.

Nem todo mundo concordou com a opinião dela, o que é legítimo, o lamentável foi o tom das respostas dirigidas à Maíra. Teve até homem usando a maternidade para atacar a jornalista.

Outro tuiteiro atacou a sanidade mental de Maíra que é uma das jornalistas mais queridas do país.

Tia Má apagou, mas durante a tarde chegou a postar as mensagens privadas que recebeu com muitos xingamentos e ameaças. Ela depois postou um print de uma conversa com o filho dela Aladê, de 12 anos, assustado com o que aconteceu com a sua mãe.

Uma pesquisa da Anistia Internacional detectou que mulheres negras estão 84% mais propensas a receberem tweets de conteúdo tóxico do que mulheres brancas.

Comments