Carta de uma empregada doméstica para o Ministro Paulo Guedes

0
1670

Texto: Ana Flávia Cavalcanti

Pros outro cê podí até sê esse negócio di Ministro da Economia
mas pra mim
tu sempre vai sê o Paulinho que eu vi crescê
que eu cuidei como se fosse um fio meu

Cê tá bom fio?

Num tá trabalhando muito não?

Paulo miníno
qui história foi essa desse negócio di dólar
virge maria
qui tá todo mundo falanu nisso
Achei tão esquisito
um troço desse vinú di tu
um minino bom
educado “pelo menos enquanto tarra comigo né
qui depois qui cresce
a gente nunca sabe o que qui a pessoa vira”

Ói
to lhe escrevenu pá dizê qui esse negócio di dólar alto
num é bom não
isso num pegou bem não Paulinho

Aqui no bairro tá todo mundo virado com tu
tarra todo mundo amanu viajá
agora pararam né
ta caro dimais

Paulinho
o povo tá querenu ir pra Disney di novo
gostaram

OOOh Meu fio
vê se melhora essa disgrama aí pra nóis
tamô contando com tu
visse

Agora tamém num vô ficá aqui só ti danu esbrega não
qui eu gosto de tu

Por isso qui eu to te mandanu essas foto
é eu nas foto
tu tá me venu?

Paulinho do céu
to aqui
no aeroporto internacional
o mermo qui vai pá Disney

Mas num to inú pa Disney não

Dessa vez aqui
eu to inú pa Berlim
Tu já foi lá?
eu nunca fui

Pior qui tá todo mundo querenu sabê como qui deu peuí.

falei a verdade
eu parcelei as passagi no cartão da Neide
E pra ficar os dia eu fiz o saque aniversário do meu FGTS
Uma benção de Nazinha
Viu
Aqui

Qui eu tarra te falanu
essas foto aí
é pra vê se a gente disfaz esse malentendidu

Vê si tu consegue baxá esse diaxo desse dólar

E o euro também

É qui pra Berlim Paulinho né dólar não qui usa o Edinho falou
Pra Berlim é negócio di euro
Ele que viu tudo pra mim.

Psiu

Ói

To com saudade de tu
visse

Eita que a moça tá me chamanu aqui
Depois te amostro mais foto da viagi
Vê se come meu fio
Tu tá ka cara muito chupada

Tá prestando atenção Paulinho?

Si eu tivesse aí te fazia uma gemada
um cheiro ni tu
Tiquinha

 

Ana Claudia Cavalcanti é atriz, atua na novela Amor de Mãe e faz intervenções artísticas, como esta que você leu

Comments