“A Marcha” aborda a segregação americana por meio de história em quadrinhos

0
394

Neste mês de abril, marcado pelos 50 anos da morte de Martin Luther King, a Editora Nemo, preocupada em trazer para o leitor brasileiro questões que promovam a reflexão e o debate publica “A Marcha – Livro 1: John Lewis e Martin Luther King em uma história de luta pela liberdade“, primeiro livro de uma trilogia em formato de série em quadrinhos, uma graphic novel de John Lewis, Andrew Aydin e Nate Powell.

A vida do parlamentar John Lewis é retratada desde a infância. O leitor vai acompanhar seu envolvimento na política e na conquista de direitos básicos para a população negra estadunidense, até o momento em que recebe a Medalha Presidencial da Liberdade pelas mãos do primeiro presidente negro dos Estados Unidos.

A obra mostra também os sit-ins (protestos pacíficos), que se iniciam tranquilamente e sem grandes repercussões, mas com o tempo ganham uma dimensão que era incapaz de ser ignorada, até o seu ápice no chamado “Domingo Sangrento”, onde um grupo de negros que protestava pacificamente pelo direito ao voto em Washington, foi cruelmente massacrado pela polícia. A partir daí a luta se intensifica, e poucos meses depois o povo negro finalmente começa a conquistar seus direitos.

O livro conta como se deu o processo que pôs fim às políticas de segregação nos EUA, além de falar sobre os encontros de Lewis e Martin. A trilogia foi a primeira série de quadrinhos a ser indicada e vencer o National Book Award, um dos mais importantes prêmios literários dos Estados Unidos, que levou Lewis e seus companheiros à lista dos livros mais vendidos do The New York Times.

Comments

Comentários