Youtube deleta canais de R. Kelly após condenação por tráfico sexual de mulheres e menores de idade

0
Youtube deleta canais de R. Kelly após condenação por tráfico sexual de mulheres e menores de idade
Foto: KAMIL KRZACZYNSKI/AFP

O Youtube removeu dois canais oficiais de R. Kelly da plataforma após o cantor ser condenado por tráfico sexual de mulheres e menores de idade. Segundo a agência Bloomberg, um porta-voz da empresa confirmou que as contas foram removidas “de acordo com as diretrizes de responsabilidade” da plataforma.

Os canais R. Kelly TV, que tinha 3,5 milhões de inscritos e R. Kelly Vevo, com 1,6 milhões, estão fora do ar, apresentando a mensagem “Página indisponível. Lamentamos o transtorno. Tente pesquisar algo diferente.” A plataforma disse, no entanto, que vídeos e canais criados por terceiros antes da exclusão dos dois canais oficiais do cantor podem ser acessados e que não pretende eliminar vídeos compartilhados por outros usuários.

R. Kelly não poderá mais usar ou criar qualquer outro canal na plataforma. As músicas do cantor, porém, continuam disponíveis no serviço de streaming Youtube Music. As contas do cantor no Facebook, Instagram e Twitter também foram desativadas.

Em 27 de setembro, Kelly foi considerado culpado no tribunal federal de Nova York por liderar um esquema para recrutar mulheres e meninas para o sexo, após décadas de mulheres que o acusaram de crimes sexuais. Em 2008, Kelly foi absolvido das acusações de pornografia infantil em Illinois, onde ainda enfrenta acusações adicionais.

Comments

No posts to display