Tela Quente bate recorde de audiência com exibição de Pantera Negra

0
4840

A Tela Quente teve o melhor ibope do ano na segunda-feira (31). Pantera Negra, até então inédito na TV aberta, marcou 27,1 pontos e teve share de 50,5%. Ou seja, pouco mais da metade de todos os televisores ligados na Grande São Paulo no horário assistiram ao filme do primeiro super-herói negro dos cinemas. Essa média é equivalente a 5,5 milhões de telespectadores apenas em SP. Esse foi o melhor resultado da Tela Quente desde 7 de outubro do ano passado, quando Manifest: O Mistério do Voo 828 marcou 27,7 de ibope.

Inicialmente, o drama O Que Te Faz Mais Forte (2018) estava programado para ser exibido mas com a morte do ator a emissora escalou Pantera Negra para ser exibido. Antes do recorde de Pantera Negra, o filme mais visto da Tela Quente em 2020 era Velozes & Furiosos 8, que registrou 24,4 de média em 4 de maio.

Antes da exibição do filme, o apresentador Manoel Soares, que compõe o time do ‘É de Casa’, falou sobre a importância histórica de um filme de super-herói ter sido protagonizado por um ator negro. “Eu esperei quase 40 anos para ter um super-herói parecido comigo e a pessoa que personificou esse sonho não está mais entre nós. Chadwik Boseman representou essa geração que ansiava por isso e se espelhou nessa conquista. Nesse momento em que o povo negro luta muito por representatividade, é lindo a TV Globo fazer essa homenagem para um homem e um filme que transformaram o imaginário social. Hoje, quando se pensa em África não se pensa só em pobreza e morte, mas também em Wakanda”, acredita o apresentador de 40 anos, que gravou a chamada para o filme de sua casa, com direito a cartaz e bonecos do personagem de seu acervo pessoal no cenário. “Me fantasio de Pantera Negra para os meus filhos. Tenho paixão pelo personagem e também por isso é um orgulho imenso interagir com o filme através dessa homenagem”, completa Manoel.

Comments