Sambas-enredo do Carnaval 2020 exaltam a negritude

0
Sambas-enredo do Carnaval 2020 exaltam a negritude
Passista da Mangueira. Foto: Cacau Fernandes

Negros, índios, quilombos, favelas, terreiros, Bahia, lavadeiras… O Carnaval 2020 do Grupo Especial do Rio vem preto, forte e destemido. Confira a trilha sonora do “maior espetáculo da terra” para este ano e se prepare com muito samba no pé: Depois de consagrar suas Marias, Mahins e Marielles com a “História para ninar gente grande” de 2019, a campeã Mangueira leva Jesus Cristo ao morro com “A verdade vos fará livre”: “Eu sou a Estação Primeira de Nazaré/Rosto negro, sangue índio, corpo de mulher”, canta Marquinho Art’Samba.

Comandada por Quinho e Emerson Dias, o Salgueiro conta a história de Benjamin de Oliveira, o primeiro palhaço negro do Brasil. Falando em  referência da arte brasileira e preta, a Mocidade homenageia Elza Soares, com o tema “Elza Deusa Soares”, na voz de Wander Pires e samba assinado por Sandra de Sá.

“Oh, mãe, ensaboa, mãe, ensaboa, pra depois quarar” vem de Niterói, trazendo a Viradouro (vice-campeã do último Carnaval) e sua homenagem às Ganhadeiras de Itapuã, grupo musical que leva adiante a tradição das lavadeiras.

De azul e branco, a Vila Isabel homenageia Brasília, com um samba que é a cara do povo de Noel Rosa, puxado por Tinga, intérprete que transpira o DNA da agremiação. A Vila fala de “Jaçanã e um índio chamado Brasil”.

A Portela – que estreia em 2020 ninguém menos do que a dupla de carnavalescos Renato e Márcia Lage – vem de “Guajupiá, terra sem males”, enredo que conta a lenda dos Tupinambás, um dos povos que ocupavam originalmente esta terra.

De Padre Miguel para a Tijuca, mais uma voz inconfundível do carnaval traz o povo do Borel à Sapucaí: “A minha felicidade mora nesse lugar/ Eu sou favela”, canta Wantuir em “Onde moram os sonhos”, que marca o retorno do carnavalesco Paulo Barros à Unidos da Tijuca, onde foi campeão três vezes.

Em São Cristóvão, o método foi o mesmo: mais uma vez, Moacyr Luz, Cláudio Russo e parceiros assinam o samba do Paraíso do Tuiuti, “O santo e o rei – Encantarias de Sebastião”.

De São Cristóvão o Grupo Especial pega a Linha Vermelha e vai até Duque de Caxias, e exalta o sacerdote Joãozinho da Gomeia, pai de santo visitado por nomes como Jorge Amado, Juscelino Kubitschek e dezenas de atrizes, atores e músicos. Celebrado como um dos enredos (e sambas) do ano, “Tatalondirá – O canto do caboclo no quilombo de Caxias”, da Grande Rio, canta o axé do baiano Joãozinho com garra, além de passar pelo essencial alerta contra a intolerância: “Eu respeito o seu amém, você respeita o meu axé”, na voz de Evandro Malandro.

Pegando a mesma Linha Vermelha de volta, o disco desembarca na União da Ilha, onde Ito Melodia canta “Nas encruzilhadas da vida, entre becos, ruas e vielas, a sorte está lançada: salve-se quem puder”, um emocionante hino de louvor ao povo das comunidades.

Encruzilhadas, becos e vielas também aparecem, em abordagem diversa, em “Se essa rua fosse minha”, com que a Beija-Flor fala dos caminhos por onde o homem anda desde o início das civilizações, não esquecendo, é claro, os orixás e o povo da rua. “Nilopolitano em romaria/ A fé me guia”, garante Neguinho da Beija-Flor, mais de quatro décadas de serviços prestados à azul-e-branco da Baixada.

Promovendo a estreia de um craque do humor, Marcelo Adnet, no posto de compositor de samba-enredo (com parceiros), a São Clemente volta a um tema caro e necessário ao Carnaval: a malandragem, com “O conto do vigário”. A escola de Botafogo revive seus dias de crítica social (o que a levou ao Grupo Especial lá nos anos 1980) no belo samba puxado por Bruno Ribas, Leozinho e Grazzi Brasil. “La garantía soy yo!”.

Para fechar a coleção, o velho Estácio reaparece no Grupo Especial, em edição luxuosa comandada pela carnavalesca Rosa Magalhães (que fez história na escola décadas atrás): “Pedra”, que passa pela mineração, construção e tudo o que tem minerais envolvidos.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display