Rio terá o primeiro curso de Juiz de Paz voltado para religiões de matriz africana

0
2693
ASBRAC promove o primeiro curso de Juiz de Paz para Religiões de Matriz Africana, no Rio de Janeiro
ASBRAC promove o primeiro curso de Juiz de Paz para Religiões de Matriz Africana, no Rio de Janeiro

Hoje, se um casal que segue religiões de matriz africana quiser se casar no Rio de Janeiro, precisará de um juiz de paz que não será um dos seus líderes religiosos, como acontece com evangélicos, judeus e católicos. Mas, a partir de janeiro, esse cenário mudará, pois estão abertas as inscrições para o curso de Juiz de Paz para Povos Tradicionais de Matrizes Africanas. As aulas serão realizadas nos dias 11 e 12 de janeiro, no Shopping Nova América e estão sendo organizadas pela ASBRAC ( Associação Brasileira de Capelania Civil).

 

Segundo a Iyalorisa Rita d’Oiyá, superintendente de Igualdade Religiosa da ASBRAC, o curso é integrativo e não excludente como de outras denominações. “Quem quiser, será bem-vindo. Percebemos que nosso povo não estava tendo a mesma oportunidade que evangélicos, por exemplo que ao casarem na igreja, podem fazer a cerimônia religiosa com efeito civil, tendo o pastor como o juiz de paz. Agora, com esse curso, poderemos ter igualdade de direitos com pessoas de outras religiões”, aponta a Iyá.

 

O valor do curso é de R$ 440, e inclui o registro com carteirinha de Juiz de Paz Religioso. matrícula é feita mediante apresentação do comprovante de pagamento de pelo menos 50% do valor total do curso. As aulas são voltadas para Iyalorixás, Babalorixás e sacerdotes de todos os segmentos religiosos, com casa religiosa aberta. Egbomi, Ekejdi e Ogã, wiccas, canbonas, pai e mãe pequenos e outros cargos, precisam de indicação assinada por seu zelador com casa aberta. 

 

Sobre a ASBRAC

A Associação Brasileira de Capelania Civil – ASBRAC surgiu através do Conselho Nacional de Capelania e Justiça de Paz Eclesiástica (CONCAJAPE), em 04 de fevereiro de 2016. Está ligada à Faculdade Cristã de Teologia e Filosofia do Estado do Rio de Janeiro – FACTEFERJ, que possui cursos superiores de Filosofia, Teologia Cristã e Teologia Espírita. Além do curso de juiz de paz, também oferecem cursos de capelania para religiões de matriz africana.

 

Mais informações (021) 98113-3906 ou (021) 98348-4499.

 

Comments

Comentários

Artigo anteriorJuntos a Magia Acontece: Comunidade negra quer que família Santos vire seriado
Próximo artigoEmpresária cria bonecas crespas para que crianças aprendam a trançar e desembaraçar seus cabelos
Tássia di Carvalho é graduada em Jornalismo e Publicidade e Propaganda, além de possuir MBA em Mídias Sociais e especialização em Marketing Digital e Cultura Contemporânea. Criou a Agência Is em junho de 2016, assim que saiu do Jornal O Dia, aonde era colunista e repórter. No periódico, ela cobria o lado positivo de favelas e periferias e percebeu um nicho em que poderia atuar, ajudando os pequenos projetos que inseria nas páginas da publicação. Em pouco tempo, viu que a demanda na área de comunicação era necessidade em diversas organizações do terceiro setor e de ações de impacto social. Em três anos, a Is já contabiliza mais de 35 clientes, desde os pequenos projetos que ela queria ajudar até grandes organizações de renome internacional como British Council, BrazilFoundation, Favela Mundo e FLUP. Palestrou em grandes eventos como TEDxPedra do Sal, MindTalk e BlackTalks.