Projeto de Lei para proibir campanhas publicitárias com pessoas LGBTQIA+ aguarda votação na Alesp

0
Projeto de Lei para proibir campanhas publicitárias com pessoas LGBTQIA+ aguarda votação na Alesp
Foto: Reprodução/Natura

O projeto para proibir campanhas publicitárias com pessoas LGBTQIA+ aguarda votação nesta terça-feira (20), na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo), o projeto de lei visa proibir a veiculação de campanhas com pessoas LGBTQIA+ ou famílias homoafetivas em todo o estado de São Paulo.

A deputada estadual Marta Costa (PSD) é a autora do projeto de lei que de acordo com o texto “proíbe a publicidade, através de qualquer veículo de comunicação e mídia de material que contenha alusão a preferências sexuais e movimentos sobre diversidade sexual relacionados a crianças no Estado”.

O projeto aguarda por aprovação e se aprovado, fica proibida a transmissão de campanhas que promova a diversidade sexual no estado de São Paulo.  Marcas como Boticário, Riachuello, Gol, Sonho de Valsa, Banco do Brasil, Coca-cola e Mc Donalds que já lançaram propagandas com casais homoafetivos, não poderiam repetir as propostas de campanha.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display