Países africanos formam a maior área de livre comércio do mundo

0
3345
Foto: Divulgação

No primeiro dia de 2021, a União Africana abriu oficialmente a Área de Livre Comércio Continental Africana (AfCFTA). Todos os países africanos, exceto a Eritreia, assinaram o acordo, o que faz desta iniciativa a maior área de livre comércio do mundo desde o estabelecimento da Organização Mundial do Comércio (a AfCFTA visa reunir 1,3 bilhões de pessoas em um bloco econômico de mais de 3 trilhões de dólares).

Esta jornada, que teve início em 1979, mostra que o grupo vem progredindo nos objetivos como continente para cumprir as metas estipuladas pela agenda 2063 da África que Queremos, que tem esses 7 pilares:

  1. Uma África próspera baseada no crescimento inclusivo e no desenvolvimento sustentável
  2. Um continente integrado politicamente unido e baseado nos ideais do pan-africanismo e na visão do Renascimento africano
  3. Uma África de Boa Governança, Democracia, Respeito pelos Direitos Humanos, Justiça e Estado de Direito
  4. Uma África pacífica e segura
  5. África com uma forte identidade cultural, patrimônio comum, valores e ética
  6. Uma África cujo desenvolvimento é impulsionado por pessoas, contando com o potencial oferecido pelo povo africano, especialmente suas mulheres e jovens, e cuidando de crianças
  7. Uma África como jogadora e parceira global forte, unida, resiliente e influente

Os benefícios desta área comercial são imensos a nível de país independente, bem como a nível continental. Defensores dizem que este bloco vai impulsionar o comércio entre os vizinhos africanos, permitindo ao continente desenvolver suas próprias cadeias de valor. O Banco Mundial estima que pode tirar dezenas de milhões da pobreza até 2035

Para o comércio intra-africano, 90% de todos os bens ficarão isentos de tarifas para todos os países que depositaram os seus instrumentos de ratificação do AfCFTA com o presidente da Comissão da União Africana (CUA). Trinta e seis países já concluíram este procedimento de formalização da adesão.

Comments

Artigo anterior‘Uma Noite em Miami’ estreia na Prime Video Brasil
Próximo artigoSaladas de um jardim ancestral: Conheça as saladas afrodiaspóricas leves e nutritivas
Sauanne Bispo cursou Estatística na Universidade Federal da Bahia, Turismo na Univ. Estácio de Sá e especializou-se em Empreendedorismo Social pela Universidade da Pensilvânia. Descobriu o mundo das viagens durante seu primeiro intercâmbio em Louisiana, nos Estados Unidos. Foi tripulante de navio cruzeiro, trainee na maior organização de fomento a desenvolvimento de países africanos da América do Norte, Africare, em Washington D.C., e coleciona experiências profissionais na Índia, Rússia e África do Sul. Especialista em educação e vivências internacionais, já passou por mais de 30 países e tornou-se desbravadora do mundo apaixonada pela África.