No dia da Consciência Negra, Aparelha Luzia estará de portas abertas para enaltecer a ancestralidade e a cultura preta

0
No dia da Consciência Negra, Aparelha Luzia estará de portas abertas para enaltecer a ancestralidade e a cultura preta
Foto: Divulgação.

Por Reinaldo Calazans

O quilombo urbano oferece ao público arte, cultura preta e é sinônimo de luta e resistência no bairro da Barra Funda, em São Paulo.

Aparelha Luzia é um espaço que enaltece a cultura afro brasileira e ajuda na construção da identidade do povo preto, o local é Idealizado pela deputada e educadora Erica Malunguinho, de 39 anos, nascida e criada em Pernambuco.

É como se você estivesse na África, o lugar respira arte e o protagonismo negro é o ponto central das atividades e os encontros da comunidade preta. Grandes nomes já passaram por lá Luedji Luna, Samba da Marcha das Mulheres Negras, Liniker, Xênia França e intelectuais como Conceição Evaristo e Akins Kintê.

Em 20 de novembro, comemoramos o dia da Consciência Negra, importante na luta do povo negro, a data faz referência à morte de Zumbi, o então líder do Quilombo dos Palmares. Neste mesmo dia, Erica Malunguinho nasceu, uma mulher forte, potente e necessária para todos nós da comunidade preta, e justamente neste dia acontecerá à volta das atividades no quilombo mais famoso da capital paulista. Se você mora em São Paulo precisa conhecer, mas se não está na cidade, pode deixar registrado na sua agenda uma possível visita ao lugar. O espaço ficou fechado por quase dois anos, devido à pandemia da Covid-19.

O evento pelo Dia da Consciência Negra terá o apoio do Instituto Identidades do Brasil – ID_BR, Feira Preta e outros parceiros de luta. O melhor de tudo é que além da comunidade preta estar em peso no evento, nomes como Ellen Oléria, Jota.pê, Drik Barbosa, Mc Soffia, Gê de Lima, Lia de Itamaracá, entre outros marcam presença na reabertura do quilombo.

Aparelha Luzia é um território de gente preta, não é um bar, mas abriga música boa cerveja gelada e afetividade, um lugar que une cultura, politica e debates necessários. Os shows começam a partir das 19h, na Rua Apa, 78, São Paulo.

Só venha. Muito AXÉ a todes.

Comments

No posts to display