Muato lança segundo single e clipe do projeto “AfroLove Songs”

0
Muato lança segundo single e clipe do projeto “AfroLove Songs”
Foto: Divulgação

O cantor e compositor Muato, artista da nova geração da MPB, lançou recentemente o segundo episódio do projeto “AfroLove Songs ou A Canção Urbana de Amor Política”, série musical de singles e clipes que expressam o amor dentro do contexto social vivido pela população preta. O novo hit “Me Ganhar”, é de composição própria e mescla alguns rítmos musicais como hip hop, funk e música brasileira.

– ‘Me Ganhar’ vem pra afirmar a potência criativa do projeto em um universo dançante entre beat, tamborins, guitarras e vozes ancestrais. O clipe, realizado no atelier da artista visual Brigida Murtas, expressa o próprio movimento da dança dos relacionamentos, entre manipulações, sufocamentos, cores e sexualidade – descreve Muato. 

No clipe, dirigido por Yago Nauan, Muato contracena com a atriz Lorena Lima. A atuação do casal, de acordo com o cantor, é “uma grande metáfora dos encontros da vida real, da resistência a se entregar à relação”. O single tem um ritmo dançante e uma letra marcante que promete ficar na cabeça

– ‘Me Ganhar’ é a resistência a se entregar à relação mesmo no momento em que a paixão já é um fato. É uma dançante reflexão sobre uma comum tendência à ‘autoproteção’ nas relações amorosas – explica o músico.

O clipe de “Me Ganhar” já está disponível em todas as plataformas digitais. Para conferir o seu clipe e acompanhar a série, clique aqui 

Muato assina a concepção artística, o roteiro do clipe e, em parceria com Rodrigo Gavião (responsável também pela mixagem e masterização), a produção musical.    

Sobre Muato:

O cantor, ator, diretor e produtor musical de Vila Isabel, bairro do subúrbio carioca famoso por revelar ícones da nossa cultura, como Noel Rosa e Martinho da Vila, iniciou sua trajetória no estudo da música de concerto e tem se destacado pela sua atuação em diversas funções artísticas. Diretor musical de espetáculos teatrais, recentemente recebeu o prêmio APTR pela canção de “OBORÓ, Masculinidades Negras”, ao lado Cesar Lira. A sua linguagem é marcada pela utilização de recursos expressivos, como percussão vocal e corporal e arranjos vocais com sonoridades não convencionais. Fundou a Orquestra de Pretxs Novxs, que estreou em 2019 com o espetáculo “Reza”, realizando as composições, arranjos e direção musical da peça, dirigida por Carmen Luz, além de estar em cena como ator. Atuou em produções aclamadas por público e crítica, como “Andança – Beth Carvalho”, “Cartola – O Mundo é um Moinho”, “Rio Mais Brasil – O Nosso Musical”, “Dona Ivone Lara – Um Sorriso Negro” e “Quando a Gente Ama”. Como produtor musical, foi premiado na Europa pelo Awards Deutscher Rock & Pop Preis 2019, ganhando em sete categorias, entre elas, “Melhor Disco de World Music”, “Melhor Disco de Pop Latino” e “Melhor Arranjo”

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display