Uma das maiores atletas do mundo deu aos seguidores do Instagram uma pequena lição sobre as origens das tranças feitas na África.  Serena Williams postou uma foto dela mesma trançando o cabelo da sua filha.

A pequena Olympia, de um ano de idade, sorria entre as pernas da mãe que sorria de volta trançando os cachinhos da filha com muito carinho.

“O trançar começou em África com os Himbas, da Namíbia”, explicou Serena.

“Em muitas tribos africanas as tranças são o único jeito de identificar cada uma dessas tribos. Devido ao tempo que se levava para fazer as pessoas costumavam aproveitar também para socializar. Começou com os anciãos trançando seus filhos, depois os filhos assistiram e aprenderam com eles. A tradição de trançar os cabelos foi levada adiante por gerações e rapidamente cruzou o mundo”, celebrou a tenista.

Dividir essa tradição com sua filha, parece ter sido a motivação principal da postagem da atleta que tem mais de 11 milhões de seguidores no Instagram. “Tenho a honra de compartilhar essa experiência de união com minha própria filha e adicionar outra geração de tradições históricas”, finalizou Serena.

 

Comments

Comentários