Mulheres e meninas negras vendem sim. Um rosto negro dentro de uma narrativa coerente é sucesso garantido em uma campanha publicitária, afinal, somos a maioria nessa terrinha chamada Brasil.

MC Soffia, 15 anos, além de negra e rapper, já tá na estrada há um tempo, se posicionando sobre o que pensa dentro e fora das letras da suas músicas, o que lhe rendeu reconhecimento internacional colocando o nome da adolescente no  livro “Resistentes, 52 Mulheres Jovens Fazendo suas Histórias agora” escrito pela jornalista britânica Lauren Sharkey, especializada em questões femininas.  Em 2018, Soffia ganhou o prêmio de  artista revelação no prêmio Cláudia, uma das maiores premiações femininas da América Latina.

As marcas Coca-Cola e  Converse (foto/ Instagram) escolheram a rapper para protagonizar suas campanhas.

Só o vídeo da Coca está com mais de um milhão de visualizações :

“Quanto antes eu puder apresentar meu trabalho para as meninas que têm a minha idade, para que elas possam crescer com uma consciência avançada de sua importância e papel na sociedade, melhor”, diz ela.

Continue arrasando na representatividade irmãnzinha!

 

Comments

Comentários