Maju que se cuide: Repórter mirim e seus irmãos viralizam ao denunciarem ruas emburacadas

0
141

“Será que eu vou ter que que deixar meu sonho de jornalismo de lado para virar prefeita?.” Mirella Archangelo,  11 anos, dona dessa frase é a prova que o empoderamento infantil não é brincadeira.

Ela e seus três irmãos criaram o Jornal da Tarde para denunciar o descaso com o asfalto da rua onde moram, na cidade de Ribeirão Preto, interior de São Paulo.

Será que vou ter que largar meu #sonho de #jornalista para vir…

Será que vou ter que largar meu #sonho de #jornalista para virar #prefeita?Essa é a Mirella Archangelo, com o Jornal da Tarde!!!Nossa #repórter #mirim #amamosAlôôôôô #RibeirãoPreto

Posted by Mulheres Jornalistas on Saturday, December 16, 2017

De acordo com sua mãe, Amanda Salles , o sonho de Mirella ser jornalista surgiu depois da grande repercussão do seu primeiro vídeo. “Ela percebeu que poderia melhorar o nosso bairro e ajudar as pessoas. Ela fez um vídeo denunciando o desperdício de água aqui na nossa rua e o problema até já foi resolvido”, detalhou a mãe da pequena repórter em entrevista à página Mulheres Jornalistas no Facebook.

Mirella diz que não treina muito antes de gravar os vídeos. “Eu arrumo tudo, mas é mais na minha cabeça”.

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, criança e atividades ao ar livre
Foto: Reprodução Facebook

Ela e seus irmão, explicam muito bem, os detalhes dos problemas do asfalto, quem tem muitos buracos quem inundam durantes as chuvas e agora durante as férias, dificultam a diversão da criançada. “Os carros passam e quebram tudo e quando seca, espirra pedra na gente”, explica o irmão de Mirella.

No vídeo abaixo ela dá um flagrante da queda de um garoto que estava andando de bicicleta e caiu por conta do buraco.

#Como já me cansei de ligar, reclamar, pedir providências,ir até na prefeitura e ouvir que eles não tem nem previsão para vir dar um jeito nesta rua. A rua que fica o meu estúdio. Quando chove vira rio. E quando está sol voa as pedras que estão soltas, onde corre o risco de acertar nos meus filhos e clientes..Então como as crianças já estão e saco cheio resolveram do jeito delas pedir uma ajuda aos "Superiores" para dar um jeito nesta rua que esta uma vergonha..E eu peço a todos vocês que #compartilhem me ajude para que alguém olhe por está rua vergonhosa.. Rua Egydio Pedreschi. No Bairro Parque Avelino. Ribeirão Preto. #compartilhe povo. Mirella Archangelo. Pablo. Peterson e Marjory meu quarteto fantástico.

Posted by Julio Cesar Buyu on Saturday, October 28, 2017

“As meninas têm que pensar no futuro, se elas quiserem ser pedreiras ou astronautas, elas podem. Não existe profissão para homem ou mulher e elas tem que estudar bastante”, ensina Mirella.

De acordo com a reportagem da  UOL,” a assessoria de imprensa da Prefeitura de Ribeirão Preto não quis comentar os vídeos, mas prometeu que o problema da buraqueira apontado por Mirella será solucionado até a próxima quarta-feira”.

Que Mirella e seus irmão continuem inconformados  com o descaso e denunciem sempre, até porque eles sabem exercer sua liberdade e cidadania mais do que muitos adultos.

Comments

comments