A cantora Lizzo, 34, utilizou suas redes sociais neste último domingo (8) para criticar a cultura do cancelamento. Segundo ela, a ação vem sendo amplamente usada de forma errada na internet, como um forma de intimidação e exclusão. “A cultura do cancelamento é uma apropriação”, publicou ela. “No início, era uma indignação real de pessoas verdadeiramente marginalizadas e agora se tornou uma moda mal utilizada e mal direcionada. Espero que possamos acabar com isso e concentrar nossa indignação nos problemas reais“.

Muitos usuários concordaram com o ponto de vista de Lizzo. “A cultura do cancelamento está sendo usada, distorcida e cooptada por pessoas que só querem intimidar”, escreveu um perfil do Twitter. “A maioria das pessoas em 2023 sabe que o bullying é errado, mas sabem que podem se safar se o disfarçarem de ultraje moral. É comum na cultura dos fãs e completamente hipócrita“.

A publicação da dona do sucesso ‘About Damn Time’ continuou gerando discussões. “Existem questões muito reais que merecem indignação. Às vezes me pergunto se a cultura do cancelamento decorre de pessoas se sentirem impotentes contra essas questões maiores, então elas vão atrás de alvos mais simples para se sentirem melhor consigo mesmas, como se tivessem feito algo“, respondeu outra usuária.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments