Globo vai exibir o filme ‘Juntos a Magia Acontece’ em homenagem a Milton Gonçalves

0
Globo vai exibir o filme ‘Juntos a Magia Acontece’ em homenagem a Milton Gonçalves
Foto: Felipe Nahon/Gshow

Em homenagem ao ator Milton Gonçalves, a TV Globo vai exibir, na ‘Sessão da Tarde’ de hoje, o especial de Natal ‘Juntos a Magia Acontece’, vencedor do Leão de Ouro em Cannes, na categoria Entretenimento, em 2021.

O filme com um elenco majoritariamente negro, contou a história de um avô que, deprimido pela morte repentina da esposa, tenta ocupar seu tempo se candidatando a uma vaga de Papai Noel no shopping. Recusado e ironizado por sua cor, ele é salvo por um plano mirabolante de sua neta de distribuir presentes na vizinhança às vésperas do Natal. A iniciativa apostou na oportunidade de transformar um cenário de intolerância.

Na época das gravações, Milton Gonçalves falou com muito orgulho sobre ser um Papai Noel negro no filme. “Fazer esse personagem me emociona. É uma batalha de muitos anos, de séculos. A gente tem que eliminar o medo, tem que batalhar. Vou fazer o melhor Papai Noel que eu puder”..

Em 2006, Milton foi indicado ao Emmy Internacional como melhor ator, pelo personagem ‘Pai José’, no remake da novela ‘Sinhá Moça’. Nesse evento, ele apresentou o melhor programa infantil/adolescente e se tornou o primeiro brasileiro a apresentar o Emmy.

O ator faleceu na tarde desta seguda-feira (30), aos 88 anos, por complicações em decorrência de um AVC. Ele deixa três filhos, dois netos e um legado que se confunde com a história da própria TV brasileira.

Milton Gonçalves e Ruth de Souza em ‘O Bem-Amado’.

Carreira de ator

Nascido em 9 de janeiro de 1934, na pequena cidade de Monte Santo, em Minas Gerais, filho de camponeses, mudou-se com a família ainda pequeno para São Paulo, onde foi aprendiz de sapateiro, de alfaiate e de gráfico. Fez teatro infantil e amador e estreou profissionalmente em 1957, no mítico Teatro de Arena, na peça ‘Ratos e Homens’. Depois de uma turnê nacional, decidiu morar no Rio. “Sofri todos os percalços entendendo, mas não concordando, com o preconceito racial, que foi um trauma na minha vida. Assim, o teatro para mim foi a grande salvação”, revelou, certa vez, em entrevista ao site Memória Globo. 

Milton participou do primeiro elenco de atores da Globo. Ele chegou à emissora a convite do ator e diretor Otávio Graça Mello, de quem fora companheiro de set no filme ‘Grande Sertão’ (1965), dos irmãos Geraldo e Renato Santos Pereira.

Estreou como diretor de TV na novela ‘Irmãos Coragem’ (1970), de Janete Clair, um marco da televisão brasileira. A partir daí, esteve em várias produções icônicas da emissor.

Em 2008, interpretou o personagem Romildo Rossi, um político corrupto, em ‘A Favorita’, de João Emanuel Carneiro, atualmente no ar na TV Globo, no ‘Vale a Pena Ver de Novo’.

O ator participou de uma vasta e diversa produção cinematográfica. Foram mais de 50 títulos como ‘Cinco Vezes Favela’, ‘Carandiru’ e ‘Segurança Nacional’, onde fez o papel do primeiro presidente negro da história do Brasil.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display