Consultoria fomenta diversidade, equidade e inclusão em empresas brasileiras

0
Consultoria fomenta diversidade, equidade e inclusão em empresas brasileiras
Foto: Elisa Corpo.

Singuê propõe soluções para tornar equipes mais diversas e inclusivas em companhias como Ifood, Netflix, Nubank, Natura, Neoway, entre outras

O termo ESG – Environmental, Social e Governance – ganhou visibilidade global e chegou ao mundo corporativo ainda em 2004, quando o então secretário-geral da ONU Kofi Annan provocou CEOs de grandes empresas do setor financeiro a implementarem ações que unissem fatores sociais, ambientais e de governança no mercado de capitais.

Antenadas ao que ocorria nos mercados norte-americano e europeu, as grandes corporações brasileiras estruturaram e implantaram estratégias nessas três dimensões ao longo dos últimos anos. No entanto, muitos desafios ainda devem ser superados e uma das maiores barreiras é aumentar a diversidade em cargos de liderança, que possuem maioria de profissionais pouco diversos.

Neste cenário, surge em 2021 a consultoria Singuê, idealizada por Talita Matos e Eliezer Leal. A proposta, inovadora ao mercado brasileiro, desenvolve projetos de diversidade, equidade e inclusão. O trabalho de consultoria é dividido em cinco pilares: estratégia, carreira, conteúdo, educação em D&I (Diversidade e Inclusão) e ESG.

A Singuê, que significa “aquilo que nos entrelaça”, na língua africana Banto, parte da premissa que nada é mais potente e inovador do que construir ambientes inclusivos em que as pessoas possam expressar a sua autenticidade e colocar sua contribuição única à serviço dos projetos em que estão envolvidas. Por meio de diagnósticos precisos, oferece a seus clientes razões humanas e de negócios que os levam à busca por diversidade, ao fomento da inclusão e à promoção da equidade.

“Tivemos alguns avanços significativos em ESG e diversidade nas empresas brasileiras dos últimos anos, entretanto, os desafios se sofisticaram. Somos um país negro e as corporações precisam atrair e desenvolver esses profissionais. Queremos propor e ajudar a manter ações para que as companhias tenham a diversidade do país presente em seus times”, pontua Talita Matos, sócia-fundadora da Singuê.

Neste primeiro ano, a consultoria já executou trabalhos expressivos em grandes empresas, como Ifood, Netflix, Nubank, Natura, Neoway, entre outros. “Com o amadurecimento das pautas de D&I se torna urgente o desenho de soluções que realmente movam o ponteiro. A Singuê tem buscado a profunda conexão entre os desafios de negócio de nossos clientes, as necessidades dos grupos historicamente minorizados e o propósito dos fundadores entregando muito valor para as marcas e para a sociedade. Assumimos o compromisso com essa agenda que pode revolucionar o mercado e, finalmente, deixá-lo mais justo, diverso e inclusivo”, completa Talita. 

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display