Facebook, Instagram e Youtube mudam logo para cor preta e investem na comunidade negra

0
Facebook, Instagram e Youtube mudam logo para cor preta e investem na comunidade negra

Parece que dessa vez a ideia do “não basta não ser racista, tem que ser antirracista”, finalmente foi entendida.

Além das movimentações e protestos exigindo justiça nos casos de vítimas de abordagens e ações policiais violentas, como de George Floyd nos EUA e João Pedro, no Brasil, algumas empresas estão se posicionando de maneira histórica.

As Redes Sociais têm sido a maior fonte de notícias sobre os protestos online e off-line que acontecem no planeta e agora, mais do que nunca, a comunidade negra está sendo reconhecida por empresas de comunicação.

Facebook e Instagram mudaram seu logos coloridos, em suas contas oficiais americanas, para branco e preto (como o nosso) e além disso, comunicaram que irão incentivar a comunidade negra a contar a sua história por meio da hashag #ShareBlackStories (compartilhe histórias negras). Mark Zuckerberg, dono das duas marcas, disse em seu perfil no Facebook que irá deslocar 10 milhões de dólares para ” grupos que trabalham com justiça racial”.  Essa por enquanto é uma iniciativa que cobre apenas os EUA.

https://www.instagram.com/p/CA4WJuyMwY_/

O Youtube está investindo 1 milhão de dólares em iniciativas de combate ao racismo.

“Nós somos contra o racismo. Nós apoiamos a comunidade negra – e todos aqueles que trabalham em prol da justiça em homenagem a George Floyd, Breonna Taylor, Ahmaud Arbery e muitas outras pessoas cujos nomes não serão esquecidos.”

https://www.instagram.com/p/CA2sHrBHNxo/

No Brasil, país onde a cada 23 minutos um jovem negro é assassinado, as plataformas ainda mantém a cor original.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display