“Eu me incluo como artista e mulher preta”, Karin Hils recorre ao auxílio emergencial

0
2518

Nesta semana, Karin Hils, ex integrante do grupo rouge, publicou em seu Twitter que precisou recorrer ao auxílio emergencial do governo para sobreviver durante a pandemia. A cantora, conhecida por seu trabalho no grupo Rouge, Karin disse que foi aprovada para receber o auxílio mas que não conseguiu efetuar o saque “tava uma fila do cão e ainda tinha gente sem máscara. Isso é pra vocês terem uma ideia que não está fácil para ninguém”.

A cantora desabafou, disse que a sua vida virou “do avesso”, que é lamentável estarmos todos nessa e que “foi inventar e ser artista”. 

“Para muita gente pode parecer que o jogo está ganho, mas não está. É lamentável o que estamos todos juntos passando nesse país, eu me incluo, como artista, mulher e preta. Hoje fui tentar pegar minha parcela do auxílio emergencial. Tava uma fila do cão e ainda tinha gente sem máscara. Isso é pra vocês terem uma ideia que não está fácil para ninguém. Vi minha vida virar do avesso. Fui inventar de ser artista…”, escreveu.

No Instagram, a cantora também se manifestou, de forma simples e breve. Sem legenda, ela publicou uma foto com os dizeres: “Tem dia que dá uma saudade desgraçada do futuro”.

Comments