Especial “Falas de Orgulho” vai mostrar a trajetória de amor e aceitação de pessoas lgbtqia+

0
372
Sasha na AV Paulista/Imagem divulgação

‘Falas de Orgulho’ mostrará as jornadas de oito personagens de diferentes idades, regiões, trajetórias de vida e religiões – e por trás delas, histórias de superação, preconceito e auto aceitação.

No dia 28 de junho, data em que se celebra o Dia Internacional do Orgulho LGBT, a TVGlobo apresentará a trajetória de uma comunidade plural, pessoas completamente diferentes entre si mas que se reconhecem em um ponto em comum: o orgulho; de ser livre, de se relacionar sem preconceitos, de existir e de ter voz. O especial será exibido ainda no GNT, dia 30 de junho, e no Canal Brasil, dia 2 de julho.

Para contar histórias das pessoas, a equipe do ‘Falas de Orgulho’ percorreu diversos estados do país e acompanhou pessoas reais em seu cotidiano: na intimidade de suas casas, trabalho e no dia a dia com os amigos. Além de dar voz a essa luta na frente das câmeras, o especial também reflete a diversidade nos bastidores, em uma equipe majoritariamente LGBT em diversos setores: desde a direção, passando pelos assistentes, fotografia e roteiristas.

O especial falará sobre  vida de pessoais como Richard Alcântara, 24, jovem transgênero do interior de São Paulo, que sonha ser bombeiro civil;

Ariadne Ribeiro, 40, mulher transgênero que é assessora de apoio comunitário da Unaids/ONU;

Geisa Garibaldi, 37, lésbica e carioca, criadora do ‘Concreto Rosa’, empresa de serviços de mão de obra feminina;

Ângela Fontes, 69, enfermeira aposentada que só falou abertamente sobre ser lésbica na terceira idade;

Fábio, 30, jovem gay de São Paulo que dá vida à drag queen Sasha Zimmer;

Mário Leony, 46, homem gay de Aracajú, que é delegado da Polícia Civil há 20 anos;

Maycon Douglas, 27, jovem bissexual que trabalha como barraqueiro na praia de São Conrado e mora na Rocinha, comunidade da Zona Sul do Rio de Janeiro;

Mariana Ferreira, 35, médica bissexual, que tem um consultório particular e trabalha como ginecologista do SUS.

A cada edição do ‘Falas’, que faz parte do ‘Projeto Identidade’, propõe-se um diálogo social, a partir de temas que estão vinculados às datas de nosso calendário. Para o ‘Falas de Orgulho’, além dos bastidores do dia a dia desses oito personagens, o público também terá a oportunidade de ouvir seus depoimentos: as histórias marcantes de suas vidas contadas em primeira pessoa em estúdio. Um momento que promete muitas emoções – tanto para eles, quanto para os espectadores. Ao final, a diversidade será celebrada em um clipe musical exclusivo.

Comments