Escola que sofreu ataques racistas é renomeada como Nelson Mandela

0
2597
Alunos do EMEI Nelson Mandela: (Reprodução Internet)

O maior líder da luta contra o Apartheid na África do Sul, Nobel da Paz e defensor dos direitos humanos, Nelson Mandela (1918-2013),  é o novo patrono de uma escola municipal na cidade de São Paulo. A EMEI (Escola Municipal de Educação Infantil) Nelson Mandela localizado no Bairro do Limão, antes EMEI Guia Lopes, conseguiu a mudança de nome por meio da lei  Lei Nº 16.463 , publicada no Diário Oficial, no dia 29 de junho.

Em 2001 a escola iniciou um projeto pedagógico para atender à lei 10.639/03, que trata da inclusão do ensino de história e cultura afro-brasileira no currículo escolar e, desde então, passou a ser alvo de pichações racistas o que contribuiu para o do fortalecimento do projeto.

Para Clélia Rosa, pedagoga e mãe de uma aluna da escola, é muito importante ter esse nome em um espaço de crianças pequenas. “O muro da escola está todo sendo pintando em homenagem à Mandela que terá até uma placa especial”, explica.

Muro do EMEI Nelson Mandela Foto: Clelia Rosa
Muro do EMEI Nelson Mandela Foto: Clelia Rosa

A escola fará uma festa de reinauguração no dia 13 de agosto. O evento é aberto ao público e contará com a presença da Secretária Municipal de Educação Nádia Campeão, do Secretario de Igualdade Racial Maurício Pestana e membros da Embaixada da Nigéria e África do Sul.

O EMEI Nelson Mandela fica na Avenida Professor Celestino Bourroul, 358. A festa começa a partir das 10 horas.

A escola é repleta de atividades voltadas a questão racial. Confira mais sobre o trabalho do EMEI Nelson Mandela no Facebook.

Comments