“Conte comigo, conte com a gente!”. Foi assim que o ator Will Smith introduziu a conversa com Jordyn Woods, convidada especial de Jada Pinkett-Smith no programa Red Table Talk, nesta sexta-feira, 1. A jovem esteve envolvida e um dos maiores escândalos do ano, sendo acusada de ser a responsável por abalar o clã das Kardashians ao supostamente ter dançado no colo e passado a noite com Tristan Thompson, namorado e pai da filha de Khloé Kardashian, irmã da sua melhor amiga Kylie Jenner. As mulheres da família Kardashian são conhecidas pelo sucesso como empresárias, mas também pela preferência por homens negros em seus relacionamentos.

Jordyn Woods e a família Smith tem um belo elo. O pai de Jordyn trabalhou na produção do programa Um Maluco no Pedaço e as famílias de se tornaram próximas. Foi Jaden Smith, na verdade, que uniu Jordyn com Kylie Jenner, quando eles tinham apenas 14 anos e estavam prestes a começar o ensino médio.

Jaden, Jordyn e Kyle (Foto : Reprodução Facebook)

Para quem nunca assistiu o programa, Jada tem uma maneira muito especial de conduzir as conversas dando a impressão que estamos presenciando uma conversa de amigas, longe das câmeras, pelo tom de intimidade e pelas confissões que a atriz consegue tirar dos seus entrevistados de forma consensual e sincera. Jordyn é um jovem negra e em todo momentos Jada falava com ela como se fosse sua mãe, não a eximindo dos estragos causados. “Você sabe que feriu o sentimento de uma família, certo?”, disse a apresentadora.

Jordin aproveitou da sua confiança em relação aos Smiths para dizer a sua verdade. A jovem de 21 anos, nega a dança no colo e ter dormido com Tristan, que segundo ela, roubou um beijo ao se despedirem pela manhã depois de uma festa particular na casa do jogador de basquete.

“Eu aceito a responsabilidade por tudo o que aconteceu, eu sabia que o certo não era estar lá, mas acho que eu nem merecia ser tratada desse jeito”, desabafa a jovem empresária que disse ainda que sua família, incluindo sua irmã de 12 anos, não podem sair de casa depois do escândalo.

“Em vi o que aconteceu com a minha vida em uma semana, pela maneira como a mídia circula. Eles não focam nos problemas da vida real. Eles focam na jovem mulher negra que cometeu um erro, mas não um erro que justifica um crucificamento público e sim algo que tenha que ser resolvido internamente”, diz Jordyn e Jada complementa, “você sabe o que eles dizem, as mulheres negras são as mais desprotegidas e desrespeitadas do mundo”. Jada fala sobre sua experiência e adiciona, “em casos assim, nós nem temos chance de nos defender. Parece ser mais fácil rotular a mulher negra e colocar a culpa de tudo nela, mesmo havendo outras pessoas envolvidas”.

Jada disse que essa questão racial foi um dos motivos pelos quais o “Tio Will viu que tinha que te abraçar, para que pudesse contar sua própria história”.  Vale muito a pena ver o programa e testemunhar a sororidade entre duas mulheres negras. Os erros são cometidos, mas quem ama não julga, e sim ajuda seus pares a crescer a partir das suas falhas.

Como previsto por Jada, Khloé usou seu twitter para responsabilizar Jordyn por toda a situação.

“Por que você está mentindo, @jordynwoods? Se você vai tentar salvar a si mesma ao falar em público EM VEZ DE ME LIGAR NO PRIVADO E SE DESCULPAR PRIMEIRO, pelo menos seja HONESTA sobre a história. Aliás, você É a razão pela qual a minha família se desfez”, escreveu.

 

 

Comments

Comentários