Delegada negra é barrada em loja de roupas por ‘questões de segurança’ e emite mandato contra o local

0
Delegada negra é barrada em loja de roupas por ‘questões de segurança’ e emite mandato contra o local

Uma delegada negra foi barrada na entrada de uma loja da Zara, no Shopping Iguatemi, em Fortaleza (CE). A vítima, Ana Paula Barroso, que denuncia racismo por parte do estabelecimento, tentou acessar a loja no último dia 14 e foi avisada por um funcionário que ela não poderia entrar por ‘questões de segurança’.

A mulher é diretora-adjunta do Departamento de Proteção aos Grupos Vulneráveis, da Polícia Civil do Ceará. Um inquérito policial foi aberto junto a Delegacia da Mulher de Fortaleza para apurar o caso.

Após a denúncia, foi solicitada à loja que entregasse as imagens das câmeras de segurança do local, o que foi negado segundo a Secretaria de Segurança do Ceará. Diante a negativa, houve a representação de um pedido de busca e apreensão junto ao Judiciário que deferiu o pedido.

Com isso, a Polícia Civil apreendeu no domingo 19 os equipamentos de vídeo da loja para que sejam utilizados no andamento das investigações. Circula nas redes sociais um vídeo do momento em que a Polícia Civil chega ao estabelecimento para cumprir o mandado.

Comments

No posts to display