Confira os premiados do Oscar Britânico com destaque para Soul e A Voz Suprema do Blues

0
549

A Academia Britânica de Artes Cinematográficas e Televisivas (Bafta) divulgou na noite deste domingo (11) os vencedores da edição de 2021 de seu prêmio. Entre os destaques do “Oscar Britânico”, está a animação Soul e o filme A Voz Suprema do Blues – ambos levando dois prêmios para casa.

O Bafta acontece desde 1949 e entrega alguns dos prêmios mais cobiçados do ano. É a chance, também, de atores, atrizes e produtores britânicos se destacarem em casa. Hollywood celebra, antes de tudo, os EUA. Nada mais justo que o Bafta celebrar a Grã-Bretanha.

Além de Soul e A Voz Suprema do Blues, Judas e o Messias Negro também foi um dos premiados da noite. Confira as categorias:

Soul ganhou em Melhor animação e Melhor trilha sonora original
Em Soul, a história se debruça sobre a alma, a partir de conceitos como a construção da personalidade e a busca pelo propósito. Para isso, apresenta Joe Gardner, dublado por Jamie Foxx, um professor de música que sempre sonhou em tocar num grupo de jazz. Quando o desejo dele finalmente é realizado, ele acaba caindo em um bueiro aberto pelas ruas de Nova York, ficando entre a vida e a morte.

A categoria de Melhor figurino e Melhor Cabelo e Maquiagem ficou para A Voz Suprema do Blues.

Baseado em uma peça de teatro “Ma Rainey’s Black Bottom”, “A voz suprema do blues” é um filme que respeita o espírito dos palcos e despeja todas as suas atenções nas atuações da grande dupla de protagonistas tornando a obra ideal para provar o talento de Chadwick Boseman e Viola Davis.

E a categoria de Melhor ator coadjuvante foi conquistada por Judas e o Messias Negro.

Judas e o Messias Negro é a história de ascensão e queda de Fred Hampton (Daniel Kaluuya), ativista dos direitos dos negros e revolucionário líder do partido dos Panteras Negras. Um jovem proeminente na política, ele atrai a atenção do FBI, que com a ajuda de William O’Neal (LaKeith Stanfield) acaba infiltrando os Panteras Negras e causando o assassinato de Hampton.

Confira a lista completa dos indicados e ganhadores do BAFTA, lembrando que a cerimônia do Oscar 2021 também está chegando. O evento acontece em 25 de abril e irá premiar os longas e curtas metragens mais comentados deste último ano.

Melhor filme
“Meu pai”
“The Mauritanian”
“Nomadland”Vencedor
“Bela vingança”
“Os 7 de Chicago”

Melhor filme britânico
“Calm with horses”
“Meu pai”
“The dig”
“O que Ficou para Trás”
“Limbo”
“The mauritanian”
“Mogul Mowgli”
“Bela vingança”Vencedor
“Rocks”
“Saint maud”

Melhor filme de língua não inglesa
“Druk – Mais uma Rodada” – Thomas Vinterberg, Sisse Graum JørgensenVencedor
“Dear Comrades!” – Andrei Konchalovsky, Alisher Usmanov
“Les Misérables” – Ladj Ly
“Minari” – Lee Isaac Chung, Christina Oh
“Quo Vadis, Aida?” – Jasmila Žbanić, Damir Ibrahimovich

Melhor animação
“Dois irmãos”
“Soul”Vencedor
“Wolfwalkers”

Melhor diretor
“Druk – Mais uma Rodada” – Thomas Vinterberg
“Babyteeth” – Shannon Murphy
“Minari” – Lee Isaac Chung
“Nomadland” – Chloé ZhaoVencedor
“Quo Vadis, Aida?” – Jasmila Žbanić
“Rocks” – Sarah Gavron

Melhor roteiro original
“Druk – Mais uma Rodada” – Tobias Lindholm, Thomas Vinterberg
“Mank” – Jack Fincher
“Bela vingança” – Emerald FennellVencedor
“Rocks” – Theresa Ikoko, Claire Wilson
“Os 7 de Chicago” – Aaron Sorkin

Melhor roteiro adaptado
“The Dig” – Moira Buffini
“Meu pai” – Christopher Hampton, Florian ZellerVencedor
“The Mauritanian” – Rory Haines, Sohrab Noshirvani, M.B. Traven
“Nomadland” – Chloé Zhao
“O tigre branco” – Ramin Bahrani

Melhor atriz
Vanessa Kirby – “Pieces of a Woman”
Frances McDormand – “Nomadland”Vencedor
Bukky Bakray – “Rocks”
Radha Blank – “The Forty-Year-Old Version”
Wunmi Mosaku – “O que Ficou para Trás”
Alfre Woodard – “Clemency”

Melhor ator
Riz Ahmed – “O Som do Silêncio”
Chadwick Boseman – “A Voz Suprema do Blues”
Anthony Hopkins – “Meu Pai”Vencedor
Tahar Rahim – “The Mauritanian”
Adarsh Gourav – “O Tigre Branco”
Mads Mikkelsen – “Druk – Mais uma Rodada”

Melhor atriz coadjuvante
Maria Bakalova – “Borat: Fita de Cinema Seguinte”
Youn Yuh-jung – “Minari”Vencedor
Niamh Algar – “Calm with Horses”
Kosar Ali – “Rocks”
Ashley Madekwe – “County Lines”
Dominique Fishback – “Judas e o Messias negro”

Melhor ator coadjuvante
Daniel Kaluuya – “Judas e o Messias Negro”Vencedor
Barry Keoghan – “Calm with Houses”
Alan Kim – “Minari”
Leslie Odom Jr. – “Uma Noite em Miami”
Clarke Peters – “Destacamento Blood”
Paul Raci – “O Som do Silêncio”

Melhor elenco
“Judas e o Messias Negro”
“Calm with Horses”
“Minari”
“Bela Vingança”
“Rocks”Vencedor

Melhor documentário
“Collective”
“David Attenborough e Nosso Planeta”
“The Dissident”
“Professor Polvo”Vencedor
“O Dilema das Redes”

Melhor animação
“Soul”Vencedor
“Os Irmãos Willoughby”
“Wolfwalkers”

Melhor trilha sonora
“Mank”
“Minari”
“Relatos do Mundo”
“Bela Vingança”
“Soul”Vencedor

Melhor fotografia
“Mank”
“Relatos do Mundo”
“Nomadland”Vencedor
“The Mauritanian”
“Judas e o Messias Negro”

Melhor montagem
“Meu Pai”
“Nomadland”
“Bela Vingança”
“O Som do Silêncio”Vencedor
“Os 7 de Chicago”

Melhor design de produção
“A Escavação”
“Meu Pai”
“Mank”Vencedor
“Rebecca – A Mulher Inesquecível”
“Relatos do Mundo”

Melhor figurino
“Ammonite”
“A Escavação”
“Emma”
“A Voz Suprema do Blues”Vencedor
“Mank”

Melhor cabelo e maquiagem
“Era uma Vez um Sonho”
“A Voz Suprema do Blues”Vencedor
“A Escavação”
“Pinóquio”
“Mank”

Melhor som
“Greyhound”
“Nomadland”
“Relatos do Mundo”
“O Som do Silêncio”Vencedor
“Soul”

Melhores efeitos especiais
“Greyhound”
“Mulan”
“O Céu da Meia-Noite”
“O Grande Ivan”
“Tenet”Vencedor

Melhor curta britânico em animação
“The Fire Next Time”
“The Owl and the Pussycat” – Vencedor
“The Song of a Lost Boy”

Melhor curta britânico
“Eyelash”
“Lucky Break”
“Lizard”
“Miss Curvy”
“The Present”Vencedor

Prêmio de estrela revelação (voto popular)
Bukky Bakray Vencedor
Kingsley Ben-Adir
Morfydd Clark
Sope Dirisu
Conrad Khan

Comments