Coletivos paulistas realizam evento “Qual feminismo negro queremos?”

0
702

Com base nos acontecimentos recentes, trazidos através de discussões nas redes sociais, o Coletivo Autônomo de Mulheres Pretas, o Grupo de Estudos sobre Feminismos Negros e o Coletivo Revolucionário Josina Machel, apresentam o evento “Qual feminismo negro queremos?“, a ser realizado no dia 11 de junho, das 19h às 22h, na Rua General Jardim, 660, São Paulo.

De acordo com a organização do evento, o objetivo é refletir em conjunto sobre as disputas de narrativas no interior do feminismo negro e as formas como estão colocadas as pautas dentro de um Estado burguês, de perspectiva neoliberal, trabalhando na lógica de hierarquização.

Por isso, nós, mulheres negras de diversas periferias, tonalidades e origem, que já construímos iniciativas voltadas para discussões de gênero, raça e classe, sexualidade, territorialidade, espacialidade, propomos, com carinho e afeto, aprofundar esse debate: Que feminismo negro queremos? O que é hoje feminismo negro?“, explicam em nota.

E completam: “Existem projetos e lutas construídas por mulheres negras anti racistas, anti capitalistas e anti cárcere. Precisamos nos encontrar e debater os novos rumos daquilo que queremos, a partir das rupturas com projetos políticos distintos que não nos representam. As polarizações no campo da política não nos fortalecem, e o sistema-mundo continua querendo nos ver destruídas. Por isso esta é uma das maneiras de nos unirmos e nos informarmos sobre as iniciativas existentes, além de criar novas redes entre nós“.

Comments