Beyoncé dá entrevista impactante para Revista Elle

0
627

Se você já parou para prestar a atenção nas letras das músicas de Beyoncé, talvez a entrevista da superstar para a Revista Elle não te surpreenda tanto, mas sua abertura em falar de tudo claramente, em uma entrevista, sim. “Quem manda no mundo, mulheres. Temos nossos filhos e voltamos aos negócios”, diz a letra de Run on The World, em tradução livre. A música de 2011 já dava noções de como Bey levaria sua vida e carreira. Mas, a vida com uma filha e com três é bem diferente, ainda mais com uma gestação de gêmeos, onde ela correu risco de vida e seus bebês, hoje com dois anos.

View this post on Instagram

IVY PARK January 18

A post shared by Beyoncé (@beyonce) on

A entrevista e o ensaio, que conta com as peças da collab de Bey com a Adidas serão estampados na Elle nos Estados Unidos, Canadá, Itália, Reino Unido, e em muitos outros países onde a publicação está presente – a Elle Brasil deixou de ser publicada pela Editora Abril, em 2018, então não teremos essa capa histórica em versão tupiniquim.

View this post on Instagram

IVY PARK January 18

A post shared by Beyoncé (@beyonce) on

 

A estrela nunca escondeu suas adversidades de seus fãs. Desde Bills, Bills, Bils, em que falava sobre pagar as suas próprias contas, passando por Independent Woman (Mulher Independente), ambas do início dos anos 2000, até a mais recente Bigger, lançada há alguns meses no álbum The Gift. Na letra Beyoncé narrava a dificuldade em conseguir tirar dias de folga, admitia que não tirava e “tentando ser uma boa esposa. Ainda é bem difícil, não vou mentir, mas te prometi que iria lutar, então eu luto”, falou francamente, revelando as pressões que sofria. A diferença da entrevista para a Elle canadense, que só sairá em janeiro, é que ela falou abertamente em uma entrevista, não apenas nas entrelinhas das canções.

Ninguém melhor do que seus próprios fãs para enviarem as perguntas, que foram feitas a diva pela Elle. Posando para o ensaio com as peças feitas em uma collab da sua marca Ivy Park com a Adidas, Beyoncé se abriu sobre diversos temas. “Minha mãe instalou em mim a ideia de que a criatividade começa com um salto de fé – dizendo aos seus medos que não são permitidos para onde você está indo”, aponta.

View this post on Instagram

IVY PARK January 18

A post shared by Beyoncé (@beyonce) on

Beyoncé falou ainda sobre sua nova linha em parceria com a Adidas, que será lançada no dia 18 de janeiro. A diva disse que se trata de uma coleção divertida e que está ligada à criatividade, o poder supremo. “Me concentrei em criar uma coleção unissex de calçados e roupas, porque vi homens usando IVY PARK. A maneira como eles adotaram a marca é um presente inesperado. Aprecio a beleza das roupas neutras em termos de gênero e a quebra das chamadas regras da moda.”

Ter que equilibrar carreira e trabalho é algo que estressa a estrela. “Garantir que eu esteja presente para os meus filhos – deixando Blue na escola, levando Rumi e Sir para suas atividades, tendo tempo para sair com meu marido e chegando em casa a tempo de jantar com minha família – enquanto dirijo uma empresa, pode ser desafiador. Fazer malabarismos com todos esses papéis pode ser estressante, mas acho que é a vida de qualquer mãe que trabalha”, disse.

Agora, os gêmeos estão bem e saudáveis, mas a gestação deles foi de risco e abalou a saúde física e mental de Beyoncé. “Depois de uma gravidez difícil, levei um ano para me concentrar na minha saúde. Eu pesquisei informações sobre medicamentos homeopáticos. Eu não coloco qualquer receita no meu corpo. Minha dieta é importante e uso ferramentas como acupuntura, meditação e exercícios respiratórios.”

Sobre seu processo de criação, Bey afirmou que ele também está relacionado a fé: “Reúno minha equipe para uma oração. Garanto que todos somos claros sobre a intenção e qual é o significado mais profundo. Faço o meu melhor e tento impulsionar todos ao meu redor a fazer o mesmo. Acabo dando tudo o que tenho. Quando é lançado para o mundo, deixo para lá porque não é mais meu.”

 

Comments

Comentários