“Tô chegando, respeite o meu cabelo”: Um papo sobre beleza negra e diversidade

0
1326
Luana Cooper, Marketing e Desenvolvimento de Produtos Niely - Foto: Arquivo pessoal

Por Camilla Prado
Edição: Silvia Nascimento

No começo do mês, no nosso Instagram,  tivemos uma conversa muito especial sobre uma parte do corpo de grande apreço para as mulheres negras: o nosso cabelo. O bate papo foi a primeira live  Site Mundo Negro e Niely Gold com Luana Cooper, Marketing e Desenvolvimento de Produtos Niely e Silvia Nascimento, nossa BossLady. Foi uma conversa cheia de trocas e dicas sobre representatividade, reconhecimento e aceitação da beleza negra e claro, rotina de cuidados com os cabelos. 

E vamos compartilhar aqui os melhores momentos dessa resenha! 

Pra começar, como foi o processo de reconhecimento da sua beleza negra? Você se sentia representada na publicidade, através das revistas e da TV? Encontrava produtos para cabelos crespos e cacheados em farmácias e supermercados? 

A representatividade é muito importante, né? Ela ajuda no processo de aceitação da nossa estética, do sentimento de ser aceita e ser vista dentro da sociedade, de se sentir bonita com o cabelo natural. Muitas de nós crescemos tentando se enquadrar dentro de referências que não eram parecidas com a gente e, para nos enquadrar, introduzimos diferentes processos químicos no nosso cotidiano que começava sempre com o relaxamento para soltar os cachos até alisá-los por completo. E fazer isso nos trazia um sentimento de “estar dentro de um padrão de beleza”, nos encorajava a acreditar que a aceitação (inclusive do crush) seria muito maior. Mas vem cá, você que também fazia todos esses procedimentos, sentia que o seu cabelo representava a sua história e quem você era? Nosso cabelo é a nossa identidade e falar sobre ele, é falar sobre a gente, mas  não tínhamos o conhecimento da nossa potência. A autoestima de muitas mulheres negras foi completamente afetada com traumas que começaram na escola onde o cabelo era sempre o motivo de chacota e isso agravava cada vez mais a nossa relação com o nosso cabelo. Não existia uma grande oferta de produtos, profissionais especializados em cabelos crespos e cacheados e muitas de nós nem chegaram a conhecer ou não se lembravam de como era o próprio cabelo, pois se conheceram e cresceram alisadas. 

Eis que chega um momento marcante, a transição capilar! O reconhecimento como mulher negra e o poder do nosso cabelo e o que ele representa: força, potência, ancestralidade, resistência. Passamos a entender o tamanho do nosso cabelo e que ele traduz quem somos (ou quantas somos e podemos ser!), que representa o nosso mood do dia, que quanto mais volume, mais poder! Também passamos a adentrar um novo universo: o empoderamento. Nossas referências, mulheres negras que trazem consigo tanta história de superação, mostram que podemos e devemos ousar, nosso cabelo pode tudo. O volume que antes era temido, passa a ser símbolo de resistência, de poder e daquela expressão maravilhosa que é “TÔ CHEGANDO! E RESPEITE MEU CABELO” porque ele chega primeiro, ele se mostra! São meses de paciência e muito cuidado com os fios. Aos poucos os dois, três dedos de raiz vão se transformando em curvaturas de cachos e você vai se reconhecendo como outra mulher a partir desse momento. O cabelo empodera. Durante a live, Luana compartilhou como foi o seu momento de transição e a sua relação com o cabelo:

Pra mim o processo do meu cabelo, da transição, foi um processo de reconhecimento como uma mulher negra, porque foi no momento da transição capilar que eu me encontrei com mulheres, com pessoas negras, e eu me senti acolhida por essas pessoas, e vi o quanto que buscar na ancestralidade podia me trazer essa força… As referências que tinham eram maravilhosas e essas mulheres, essa rede, foi me ensinando a cuidar desse cabelo, mas não somente o cabelo pelo cabelo, a entender o quão potente era aquele cabelo, o que trazia de resistência, de força e de empoderamento de uma estética… Quando olho pro meu cabelo, ele é tudo pra mim, ele diz quem eu sou. O cabelo é potência.”.  

Luana e Silvia conversaram sobre suas histórias por meio da texturas dos seus fios de cabelo ao longo dos anos

E, para ter o cabelo bonito, precisamos cuidar e deixá-lo saudável. Estamos vivendo um novo momento, ficando em casa e criando novas rotinas, e cuidar do nosso emocional também precisa ser priorizado. O autocuidado é um ato de amor consigo e por isso, queremos te dar dicas de tratamentos para o seu cabelo, para o seu ritual de autocuidado. A linha Cachos do Seu Jeito da Niely traz produtos com óleo de linhaça e manteiga de karité e você pode cuidar do seu jeito, da lavagem à finalização, você cria a sua rotina e a sua maneira de usar produtos que hidratam os fios e finalizadores que protegem do frizz, da poluição, do calor do secador, pois contém filtro UV na sua fórmula.

A influenciadora Carol Soares é mega fã da linha Cachos do seu Jeito de Niely Gold (Foto – Reprodução Instagram)

E,  ainda pode contar com um spray day after dessa linha, que sempre precisamos dar um jeitinho nos cachos. Silvia usou a linha de linhaça e gostou muito do resultado: “Os produtos estão conversando com a nossa realidade.. tem pra volume, definição, day after… Essa linha de linhaça entrou no meu coração! […] O que acho legal são os produtos que te dão beleza e ao mesmo tempo hidratam o seu cabelo”. Agora, pra te ajudar a hidratar o cabelo e desembaraçar os fios experimente a linha de Suplemento Capilar, além de ser muito cheirosa, tem produtos específicos como o Pró-Crescimento, ótimo para quem está em fase de transição, que o cabelo precisa de força e de resistência da fibra. o Pró-Restauração é mais focada em reposição de massa. Sabe as proteínas que se perdem dos fios com a exposição ao sol e ao vento e deixam o cabelo poroso? É ótima pra cuidar disso, pois fios saudáveis, alinhados e bem alimentados facilitam a definição dos cachos! E o Pró-Hidratação é a reposição de nutrientes do cabelo. E já começa a transformação da fibra do cabelo com 3 minutos! Luana Cooper, que usa a linha de Whey Protein Vegetal com Banana, compartilhou dicas ótimas da sua rotina: sempre desembaraçar no chuveiro, fazer misturinhas e massagem capilar e depois colocar uma touca para ativar o tratamento e diluir um pouco do creme com água. Dessa forma os fios ficam hidratados e você pode escolher se quer deixá-los modelados ou soltá-los.

Conheça as linhas da Niely e fique cada vez mais diva! Lembre-se que seu cabelo carrega a sua história e sua ancestralidade, ele é potência. Empodere-se!

A live completa está disponível no perfil Fique Diva Com Niely. Clique aqui para assistir.

Esse texto é fruto de uma parceria publicitária entre Mundo Negro e Niely Gold.

Comments