Por falta de provas, mulher desiste de processo contra Nicki Minaj

0
Por falta de provas, mulher desiste de processo contra Nicki Minaj
Foto: Reprodução.

A personalidade Jennifer Hough retirou voluntariamente as acusações que fez contra Nicki Minaj, no caso aberto em 2021. Dentro do processo, Jennifer acusava Minaj de coerção, perseguição e ameaça. Ação judicial também envolve Kenneth Petty, marido de Nicki. Jennifer acusa o homem de agressão sexual, num episódio, que segundo ela, aconteceu em 1994. De acordo com a Variety, Jennifer retirou a intérprete de “Super Bass” do processo sem nenhuma explicação ou provas. Embora Kenneth ainda esteja envolvido no caso, as reivindicações contra Minaj foram removidas.

No início deste ano, os advogados de Nicki Minaj foram contundentes, ao oferecem até o dia 30 de Janeiro para que Jennifer Hough retire suas falsas acusações, como anunciaram, contra a rapper na justiça. Jennifer afirmou que Nicki e Kenneth a assediaram direta e indiretamente e a ameaçaram para não falar sobre o incidente ocorrido em 1994. Apesar das acusações contra a rapper, nenhuma prova ou evidência foi apresentada.

Ainda de acordo com a Variety, mesmo com a desistência em torno do processo, agora, a equipe jurídica de Nicki Minaj revidará acusações de Jennifer. “É apenas o começo dos esforços de Nicki para fazer você pagar por sua conduta vergonhosa com dinheiro e, se o Tribunal recomendar, sanções disciplinares”, declarou Judd Bernstein, advogado de Minaj.

Comments

No posts to display