Nina Silva, fundadora do Movimento Black Money, é eleita Empreendedora do Ano em 2021

0
Nina Silva, fundadora do Movimento Black Money, é eleita Empreendedora do Ano em 2021
Foto: Luciana Prezia

Reconhecida por seu trabalho inovador, a empresária Nina Silva, fundadora e líder do Movimento Black Money e D’Black Bank, foi eleita Empreendedora do Ano da ISTO É DINHEIRO em Diversidade. Especialista em tecnologia da informação, de acordo com a nova publicação da revista, desde que entrou no mercado de trabalho, há 20 anos, Nina sentiu todo o peso de estar num mundo masculino que não estava acostumado a ver mulheres, muito menos pretas, em uma empresa de tecnologia.

Nina Silva ao lado de demais destaques na capa da ‘Isto É Dinheiro’.

Para a Isto É, Nina comentou sobre sua carreira: “Minha busca incansável por autodesenvolvimento foi o maior desafio”, disse. “Sempre tive muita ciência de que eu teria e tenho que estar atualizada. Isso requer muito foco e uma trilha de encaminhamento de objetivos…Cheguei à exaustão numa crise de burnout porque como mulher e preta tinha de provar mais do que qualquer um que eu merecia estar onde estava”, disse.

Ao editorial, Nina também detalhou a relação com Movimento Black Money com a filosofia Pan-Africanista Garveista, ideologia que considera a união dos africanos de todos os continentes na busca de soluções para problemas sociais e o preconceito racial. “É um movimento que defende os direitos do povo preto em caráter social, filosófico e político. É necessário deixar mostrar que, cada vítima de racismo, deve lutar, falar e agir de maneira a ajudar a eliminar o racismo e a estabelecer a justiça“.

O BLACK MONEY

O Movimento Black Money tem por objetivo desenvolver um ecossistema afroempreendedor e assim estimular a inovação entre empreendedores e jovens negros. O Movimento busca criar e fortalecer uma rede que permita que pelo menos 30% do dinheiro gasto por pessoas negras circule dentro da comunidade ou vá para empresas de fato comprometidas com a inclusão racial. Atualmente, um de seus principais frutos é a fintech D’Black Bank que visa fornecer crédito para empreendedores negros.

Em 2019, Nina foi eleita uma das pessoas afrodescendentes com menos de 40 anos mais influentes do mundo. Mais recentemente, em Portugal, recebeu o título de Mulher Mais Disruptiva do Mundo.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display