Margareth Menezes estrela primeiro programa da Wolo TV, plataforma com foco na comunidade negra

0
717
Margareth Menezes - Foto: Divulgação

Estreia no final de dezembro o sitcon de comédia “A Casa da Vó”, a primeira produção audiovisual que será lançada pela Wolo TV, plataforma com foco na comunidade negra. “Não tínhamos séries que mostravam famílias negras em posições de sucesso, como o caso de ‘Um Maluco no Pedaço’ e ‘Eu, a Patroa e As Crianças”. Decidimos que o foco seria esse e com isso desenvolvemos a série ‘A Casa da Vó’, que será um sitcon de comédia com 5 episódios, de meia hora cada”, explica em primeira mão ao site Mundo Negro Leandro Lemos, CTO e CFO da Wolo TV. 

A Wolo TV é uma startup de tecnologia e plataforma de streaming, fundada pelo ator e produtor audiovisual Licínio Januário em parceria com Leandro Lemos, que possui mais de 20 anos de experiência na implementação de empresas de tecnologia no Brasil. Após produzirem alguns produtos audiovisuais e não obterem sucesso na venda nas usuais plataformas de streaming, como Netflix e Amazon, decidiram desenvolver a própria plataforma com foco na representatividade negra.

A protagonista da série é a cantora Margareth Menezes, e além dela estão confirmados nomes como o Mc e produtor musical Rincon Sapiência, o ator Raphael Logan e a atriz e influenciadora digital Gleici Damasceno. Por trás das câmeras, também há nomes conhecidos, como o de Cris Conceição, que atuou recentemente como Diretor de Fotografia do ‘M8 – Quando a Morte Socorre a Vida’, que concorre à vaga brasileira ao Oscar de “Melhor Filme Estrangeiro”, além de também ter atuado como Assistente de Fotografia do histórico e premiado ‘Cidade de Deus’ e de ‘Tropa de Elite’. 

O lançamento, com data ainda confidencial, está previsto para o final de dezembro e será veiculado pela plataforma Wolo TV, um aplicativo no qual o primeiro episódio será gratuito e os quatro demais serão liberados mediante pagamento único à preço popular. A Direção é do Fundador e CCO da Wolo Tv, Licínio Januário e a Produção Executiva de Juliana Borges. A série foi co-criada por Alex Miranda, em colaboração com Érica Ribeiro e Milena Anjos. A equipe que integra elenco e produção é 99% negra, e de maioria feminina. 

Comments