Kanye West participa de protestos e doa US$ 2 milhões para família de vítimas da violência policial nos EUA.

0
481
O cantor foi visto em protestos em Chicago.

As doações incluem o financiamento de advogado para as famílias de Breonna Taylor, e Ahmaud Arbery, outras vítimas do racismo e violência policial nos EUA em 2020.

West também iniciou plano financiado de educação para arcar com a faculdade da filha de Floyd, Gianna Floyd de 6 anos.

Além disso, o rapper também investiu em negócios dirigidos por pessoas negras que foram afetados pela crise devido ao COVID-19.
As informações foram confirmadas a CNN norte-america pelo representante do cantor.

As doações de Kanye aconteceram após a uma semana marcada por ondas de manifestações, que tomaram diversos estados dos EUA e até outros países, em repúdio a morte brutal de George Floyd e outras vítimas negras pelas mãos da polícia.

Na última quinta-feira (4), o rapper foi visto em um dos protestos que ocorriam em Chicago, contra a violência policial e o racismo que custaram a vida de George Floyd, Breonna Taylor, Ahmaud Arbery e tantos outros.

https://www.instagram.com/p/CBCPaq7Bo97/

 

Outras vítimas:
Breonna Taylor, paramédica que foi assassinada em março desse ano, em sua casa com 8 tiros durante uma operação contra o tráfico de drogas em seu bairro, não foi encontrado nenhum tipo de drogas em sua casa. Nenhum policial foi acusado por sua morte.


Ahmaud Arbery, foi assassinado em fevereiro desse ano, por dois policiais brancos, enquanto praticava exercícios em seu bairro. Um vídeo gravado por um outro policial mostra que insultos racistas foram as últimas palavras ouvidas por Arbery. Os policiais culpados foram detidos dois meses depois do crime.

Comments