Helen Andrade e Samantha Almeida: Nestlé e Twitter contratam mulheres negras para cargos de liderança

0
2055
Helen Andrade (Nestlé) e Samantha Almeida (Twitter) - Foto: Reprodução Instagram

Mulheres negras no comando ainda são poucas, mas um movimento de conscientização sobre falta de diversidade em posições mais elevadas em grandes empresas é um sinal de mudança, mesmo que o processo ainda seja lento.

Por agora podemos celebrar duas grandes contrações em empresas de grande relevância global.

A publicitária Samantha Almeida assume no final de agosto a liderança do Twitter Next Brasil, uma área focada no desenvolvimento de estratégias, campanhas e novos formatos de anúncios.  Em entrevista para o Meio e Mensagem ela disse que o site “representa um espaço efeito para que a relação entre pessoas, marcas e redes sociais evolua e encontre um ponto de interseção para a construção de um futuro”.

A executiva ocupava a cargo de Head of Content na Ogilvy Brasil até o mês de junho deste ano. Ela também já passou pela Music2, na mynd, Avon e The Esteé Lauder Companies. Samantha foi uma das homenageadas na edição 2020 do Women to Watch Brasil.

Também em agosto Helen Andrade assume o cargo de Gerente de Diversidade e Inclusão da Nestlé Brasil. A  executiva tem mais de 17 anos de experiência em gerenciamento em empresas globais de diferentes segmentos, como Claro Brasil, Goodyear-LATAM, Coca-Cola e PepsiCo.  

Helen que também é mãe, atuou como líder da agenda de diversidade e inclusão em várias organizações, tendo como responsabilidade a criação, implantação e medição de resultados de importantes programas. 

Uma pesquisa do Instituto Ethos com as 500 empresas de maior faturamento do Brasil aponta que os negros são de 57% a 58% dos aprendizes e trainees, mas na gerência eles são 6,3%. No quadro executivo, a proporção é ainda menor: apenas 4,7% são negros.

Comments