Grupo ‘Pretos no Enem’ convoca voluntários para o pagamento da taxa de inscrição de estudantes sem condições

0
756

Em dois dias, o grupo Pretos do ENEM reuniu mais de 6 mil voluntários para efetuar a taxa de pagamento de estudantes negros em condições de vulnerabilidades sociais. O valor de R$ 85,00 reais, muita vezes, é um empecilho para estudantes que não conseguiram isenção do valor.

A ação “Pretos no Enem” surgiu depois de a podcaster e publicitária cearense Lyara Vidal, de 24 anos, anunciar a ideia pelo Twitter na terça-feira (2). A ideia do movimento surgiu logo após os protestos contra a morte de George Floyd, em que manifestantes de todos os locais subiram placas intitulando-se antirracistas. “Essa sim, é uma forma de ser antirracista. Ajudando o povo preto.”

Os organizadores da ação explicam que, quem quiser se voluntariar, pode conseguir o acesso por meio do Instagram do Pretos no Enem. Professores que conheçam estudantes negros em situação de vulnerabilidade social também podem entrar em contato pela rede social para conseguir ajuda aos alunos.

Na terça-feira (2), o prazo para o pagamento da taxa de inscrição do Enem 2020 foi adiado porque aproximadamente 300 mil alunos não pagaram a taxa de inscrição, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Mais de 5,7 milhões de estudantes tiveram suas inscrições confirmadas para o Enem 2020, contando também aqueles que ficaram isentos do pagamento.

 

Comments