Editora Kriô Comics lança sua primeira HQ: o super-herói ‘Mano K’

0
Editora Kriô Comics lança sua primeira HQ: o super-herói ‘Mano K’
Foto: Divulgação

A HQ do super-herói Mano K, intitulada Caos Primordial, que há muito tempo estava sendo aguardada, foi finalmente lançada pela Editora Kriô Comics. A revista pode ser comprada exclusivamente no site.

Criado pela jornalista, escritora, e diretora da Editora Kriô Comics, Edna Pessanha, Mano K tem seu roteiro escrito pelo excelente roteirista Jean Canesqui, que nos faz imaginar se um garoto pobre e negro da periferia de São Paulo, desses que o universo conspira para lhe roubar o futuro, ganhasse poderes que o levasse muito além da humanidade. O dom de manipular algo misterioso e poderoso, como a Chave do Caos, e alterar a probabilidade, o fato, a própria realidade!

O mundo de Mano K é o nosso mundo. Onde o bem e o mal não são tão definidos como se vende por aí, e a superciência e a magia coexistem, conspurcando qualquer certeza. É o mundo em que o filme Cidade de Deus e o seriado Cidade dos Homens, se encontram com as fantásticas dimensões de Top Tem e Astro City.

A Terra possui sua cota de super-humanos e outros seres que assombram as pessoas. Na Segunda Grande Guerra, a lendária Galeria Sombria lutou contra o totalitarismo, ao lado do misterioso grupo chamado o Segredo. Hoje, agindo como o Greenpeace e a Cruz Vermelha, o Mito reúne meta-humanos em nome da paz mundial, gerando uma adoração entre a população não vista desde os Beatles e Hitler, além de muitos conflitos com várias potências e seus negócios escusos. Do mesmo modo, o Comitê, organização criminosa emersa em atrocidades, se alimenta da guerra, do crime organizado internacional, e da corrupção para controlar o verdadeiro poder. Nisso, o Brasil se torna um dos alvos para suas ações. Um lugar perfeito para as fazendas de seres humanos de destruição em massa. Poderosos super-humanos a serviço como armas vivas para quem puder pagar. A favela da Jujuba, é um dos vários pontos na América Latina para instalação de suas bases, aproveitando-se da miséria para transformar jovens em produtos perigosos. Chacina, Cadeira Elétrica e Cutelo, são seus tenentes encarregados de dominar o crime local, e recrutar a juventude sem esperança, eles mesmos pessoas de destruição em massa, oriundos de vidas trágicas. Todavia, Mano K fez suas escolhas pessoais, e talvez elas não passem pelos planos do Comitê.

Mano K não se trata de uma história de semideuses perfeitos do American way of life, mas de pessoas comuns, que um dia descobriram que podem voar.

Sinopse

Em um mundo similar ao nosso, onde seres com superpoderes surgem com alguma frequência, os meta-agentes Chacina, Cadeira Elétrica e Cutelo, massacram os traficantes da Favela da Jujuba e dominam o local. A comunidade se tornará mais uma fazenda de super-humanos do Terceiro Mundo, sob o controle do Cartel do Supercrime Internacional, o Comitê. Alheio a isso, Marcos, um jovem negro morador da Favela da Jujuba, tenta levar a vida do melhor jeito possível. Ele é um grande fã dos super-heróis dessa realidade, motivo de irritação para a mãe religiosa, pois ela os considera coisa do Diabo. Certo dia no entanto, ao mexer no velho opala deixado por seu falecido pai, de quem a viúva misteriosamente sempre evitou falar, encontra algo que transforma sua vida para sempre: A Chave do Caos!

Nasce mais um super-herói… Ou não?

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display