Dois policiais civis são denunciados por uma das mortes na operação do Jacarezinho

0
Dois policiais civis são denunciados por uma das mortes na operação do Jacarezinho

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) denunciou na noite desta quinta-feira (14) dois policiais civis por uma das 28 mortes da operação no Jacarezinho, em 6 de maio, considerada a mais letal da história do estado.

Os dois agentes responderão pelo óbito de Omar Pereira da Silva, no Beco da Síria. Um dos denunciados responderá pelos crimes de homicídio doloso e fraude processual. Outro agente é acusado pelo crime de fraude processual.

Os policiais denunciados são Douglas de Lucena Peixoto Siqueira e Anderson Silveira. De acordo com a denúncia, Douglas cometeu homicídio e fraude e Anderson Silveira cometeu fraude.

As fraudes que teriam sido cometidas foram:

  • remoção de cadáver
  • apresentação falsa de uma pistola glock .40 e um carregador
  • inserção de uma granada que, segundo os policiais, estaria em posse de Omar

Na comunicação da ocorrência, os policiais afirmaram que a vítima, antes de morrer, atirou uma granada contra eles. Douglas admite no registro de ocorrência do caso que foi ele que atirou em Omar.

A denúncia aponta crime de homicídio qualificado por dificultar a defesa da vítima (que já estava encurralada, desarmada e com um tiro no pé) e fraudes na lei 13869, de2019, artigos 23 e 25 (abuso de autoridade).

Informações são do G1.

Comments

No posts to display