“Crioulos fedorentos”: Mulher branca é presa após agressões racistas contra família negra no metrô de BH

0
“Crioulos fedorentos”: Mulher branca é presa após agressões racistas contra família negra no metrô de BH
Foto: Reprodução.

Uma mulher branca foi presa após agredir uma família com ofensas racistas no último domingo, no metrô de Belo Horizonte. A suspeita, Adriana Maria Lima de Brito, de 54 anos, continua presa e à disposição da Justiça.

Segundo o boletim de ocorrência, as vítimas relataram que a mulher proferiu ofensas dizendo: “Negros fedidos, crioulos fedorentos, raça impura. Vocês não poderiam estar no mesmo ambiente que nós. Vocês deveriam ter descido do metrô, pretos fedorentos”. 

Nas imagens, é possível ver a agressora afirmando: “eu sou racista”. Além disso, segundo o depoimento das vítimas à Polícia, ela declarou que “não gostava de pretos”, que “o sangue que corria na veia dela não era o mesmo deles”, que “os crioulos deveriam morrer” e que “pretos não deveriam estar no metrô”.

“Ela foi muito agressiva em sua fala. Falava assim com meus pais e minha irmã: ‘Olha minha pele e olha as suas’. Foi do nada. Ninguém fez nada com ela. Foi tudo muito triste e revoltante”, afirmou a estudante Isadora Rodrigues, de 22 anos, filha do casal insultado ao jornal Estado de Minas.

sadora ressaltou que os pais e a irmã ficaram abalados e com sentimento de revolta. “A mulher começou a fazer comentários racistas do nada. Minha mãe chorou muito. Outras pessoas se sentiram ofendidas no metrô. Aguentar isso em 2022 é muito complicado”. 

A Polícia Militar informou que a  mulher deve passar  por exames detalhados para atestar um possível quadro de transtorno mental. A hipótese não é descartada pela corporação.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display