Após eliminação, Lumena Aleluia fala sobre sua passagem no BBB e aprendizados

0
Após eliminação, Lumena Aleluia fala sobre sua passagem no BBB e aprendizados
Foto: Reprodução/TV Globo

A psicóloga Lumena Aleluia foi a 5º eliminada do BBB21, com 61,31% dos votos a baiana deixou a casa cheia de arrependimentos. Em entrevista ao Gshow, Lumena avaliou sua performance na casa, revelou onde acha que errou e comentou sobre os memes que protagonizou

“Eu fui com a intenção de dançar de um jeito e dancei de outro. Até o meu jeito de expressar questões vem junto com o corpo, com a voz. É tudo muito grandão, literalmente (risos). Eu poderia ter dançado de uma forma mais leve no jogo”, acredita. Contou Lumena assumindo mais uma vez que gostaria de ter mostrado seu lado mais leve no programa.

Lumena foi convidada a fazer uma avaliação da sua jornada no programa e alegou que foi vítima de algumas ciladas emocionais: 

“O sentimento é de que eu caí em algumas ciladas emocionais que eu nunca imaginei que pudesse cair. Eu só comecei a retomar meu proposito principal, que era o de levar a minha jornada com leveza, alegria, entrega e pesar muito menos as questões identitária, quando eu fui para o paredão. Só que os encontros e os gatilhos com algumas pessoas lá foram muito profundos. Eu não sou uma pessoa rasa, não consigo lidar com nada na minha vida de maneira superficial. Eu tentei estudar possibilidades de questões que poderiam surgir, me preparar para isso, mas jamais imaginei que pudessem ser tão profundas com pessoas também muito profundas. Por isso eu acho que foi uma jornada um pouco desastrosa. Eu me distraí com questões muito sérias lá dentro. E o meu foco de ser uma mulher competidora, alegre e que gosta de desafios acabou ficando em segundo plano, assim como minha subjetividade, baianidade e “gastação de onda”. Isso acabou me afastando do meu propósito real. Eu queria comprar meu trio elétrico, quero ser mãe, fazer minha inseminação… Me atrapalhei toda no “rolê” (risos).” 

Lumena foi eliminada em seu primeiro paredão, com a saída de seus aliados Karol Conká e Nego Di a baiana contou que esperava que “a bomba caísse no seu colo” e contou o que pode ter atrapalhado ela no jogo:

“Eu não me calei em horas que eu poderia ter calado e me posicionei de maneiras que eu não curto me posicionar mais. Eu deixei parte da minha dinâmica de vida, que é tratar de questões que são duras para mim de forma leve, e liguei o modo “dedo na cara”.”

No início do confinamento a psicóloga foi escolhida pelo público para entrar já imune, seus vídeos no pré confinamento e sua apresentação conquistaram os telespectadores no primeiro momento, mas com o passar do tempo Lumena não conseguiu resgatar a pessoa do pré confinamento:

“Eu acho que a minha sinceridade pode ter levado a isso. Eu fui mostrar a minha criança no reality, a Lumena “gastação”. Só que junto com ela vieram as feridas. Eu fico muito triste por ter reverberado muito mais as minhas feridas do que o meu lado lúdico. No primeiro momento, eu acho que prevaleceu a minha ludicidade. E também não tinha ninguém lá engatilhando nada, eu estava sozinha. Sozinha eu sou do “corre”, é outra parada.”

“Eu entrei como Pipoca, participei de um processo seletivo com milhares de pessoas. Queria aproveitar!” desabafou Lumena

A ex-sister também comentou sobre um dos maiores acontecimentos dessa edição a desistência do ator Lucas Penteado:

“Na saída do Lucas, aquele choro foi uma catarse de reconhecer que tanto a saída dele quanto a minha postura transcendiam o que agente viveu ali dentro. Eram matrizes que vêm da história dele e da minha história. A imagem dele me lembrava os meus primos, pessoas com quem eu me relacionei na vida, pessoas que eu acolhi, a quem eu me doei. Eu confundi muita coisa lá dentro. Ele projetou em mim um acolhimento que, em dado momento, eu desejei e me anulei no jogo para me doar. Quando ele me feriu, eu decidi ligar o modo contra-ataque, o que foi muito prejudicial para o meu jogo. Me senti atacada pelo que ele me causou, e eu não levo desaforo para casa de homem nenhum. Pensei: “se me atacar, vou atacar também”. Só que eu esqueci que eu estava num reality, não num campo de batalha.”

Em um papo mais descontraído a baiana falou sobre os memes que foram criados aqui fora a partir de suas falas e atitudes na casa:

“É real essa parada? Nem Twitter eu tinha, não estou ligada nesse corre. Eu estudei tanto para virar meme (risos)! Mas é isso, meu primeiro cancelamento. Vou levar para o meu Currículo Lattes e está tudo certo. Vou elaborar o que é ser cancelada na internet, o que é virar meme. Vou levar para a minha análise, vou beber cerveja dando risada com as minhas amigas. Porque, gente, o que eu vou fazer? Fui cancelada.”

Além do meme “Não autorizou” Lumena também ficou conhecida pelo seu vocabulário extenso, vídeos de influencers pegando o dicionário para traduzir falas da psicóloga viralizaram nas redes sociais, a ex-sister comentou o que achou de toda essa repercussão:

“Eu estou muito chocada (risos)! Eu sou uma mistura: cresci na periferia de Salvador, aí fui fazer um corre acadêmico. E sou DJ de pagode, então pesquiso muito a subjetividade pagodeira baiana – é gíria atrás de gíria. Eu sou apaixonada pela minha terra, pela maneira com que a gente lida com questões sérias na Bahia. É uma forma leve, gastona. Eu gosto do “sincerão” e o meu mistura academia, o corre do Lattes. Eu gosto dessa performance acadêmica e lá era o que tinha para “tocar”. Um monte de influencers e eu pensei: “Gente, que mundo é esse? Milhões de seguidores, uau”. A única coisa que eu tinha para compartilhar eram minha pesquisa, meus termos, que eram muito naturais; eu falo assim. E a minha verdade: sou uma mulher baiana, migrante, do corre. Usei “fenótipo”, minha orientadora deve estar doida (risos).” 

Sobre suas atitudes mais “ríspidas” Lumena falou sobre profundidade e a forma como reagiu a certas questões:

“Eu liguei um modo muito profundo lá dentro, que era totalmente contrário ao meu propósito no BBB. Eu já lido com essas questões de maneira profunda em agendas muito específicas aqui fora. É uma coisa que eu criei na minha rotina: só vou falar disso em momentos que eu me organizar para falar disso. Envolve projetos, agenda da militância. Minha vida não se resume a militância. Se eu tenho uma reunião com tal pessoa, eu vou falar sobre essas questões e tudo certo. Início, meio e fim. No resto do tempo, eu vou me divertir, curtir. E lá parece que eu liguei um outro modo. Eu tenho o sentimento de que gostaria de ter feito de outras formas, mas com o que chegou para mim, com a minha história de vida, não consegui fazer outro cálculo. Foram basicamente reações. E lá dentro só quem vive aquelas contingências sabe.” 

Embora tenha sido eliminada do jogo, o BBB21 impactou bastante na vida da psicóloga, que pretende estudar sobre internet, cancelamento e afins:

Eu quero estudar melhor sobre o impacto da internet nas nossas vidas. O comportamento de internautas, a comunicação nesse mundo. Lá na casa, pela primeira vez, eu pude entender o processo de sofrimento de influencers. Eu sou pesquisadora, gosto de entender tudo sobre comportamento. Até então, eu pesquiso muito questões de raça, gênero e território. E saí de lá com muita vontade de pesquisar e contribuir de algum modo com o que é esse comportamento na internet. É minha primeira experiência de cancelamento. Eu pesquiso o que eu vivo na minha história. Se essa pauta chegou para mim como experiência do que eu vivi lá dentro, agora o doutorado vai ser sobre isso. Eu gosto de estudar, de entregar informações para as áreas com as quais eu me comprometo.

E finalizando a entrevista, Lumena contou quais são os seus planos daqui pra frente:

Eu tenho muita sorte de ter pessoas que me amam muito e me entendem do jeitinho que eu sou. E a minha companheira, Fernanda, é uma delas. Eu quero ter filho. Minha prioridade agora também é viajar, mergulhar numa cachoeira, comer um acarajé, voltar minha cabeça para a minha religião, que é o que cuida da minha mente. Me reconectar, voltar para a minha leveza, cuidar da minha espiritualidade. Quero me fortalecer. Ouvir as músicas que minha mulher já fez para mim. E vou me dar prazeres porque isso alimenta minha alma. Vou voltar para o meu eixo de sanidade, organização e ludicidade. Vou tentar estudar um pouco esse mecanismo das redes sociais e ver o que posso oferecer para essas pessoas que estão me seguindo também.

Entrevista: Gshow

Comments

No posts to display