A solidão da mulher negra: Thelma e Flay falam sobre humilhação ao serem trocadas por mulheres brancas

0
32273

Em desabafo, as duas sisters comentam situações de racismo que sofreram em relacionamentos passados

Por Maria Clara Silva

Em meio a uma conversa libertadora, Thelma e Flayslane, do BBB20, desabafam sobre os racismos sofridos em relacionamentos passados e os traumas que colheram disso. Thelma diz que já deu tapa em um racista que havia dito “preto e nordestino é escória desse país” em seguida, Flay, respondeu:

  • “E eu!? Preta e nordestina que enfrentei racismo a minha vida inteira!?

https://www.instagram.com/p/B-1LxoTn3F3/

Depois Flayslane pontuou que, no episódio da traição do ex-namorado – que a trocou por uma “loirona”. Ao assumir a nova namorada, loira, os comentários que amigos do rapaz fizeram na foto foram, segundo Flay:

“Muito bem, essa namorada combina com você. A outra parecia uma MACACA”

E terminou, dizendo:

  • “Foi comigo Thelma. Eu enfrentei isso com meu namorado. Eu entendo você, entendo o Babu”

https://www.instagram.com/p/B-1LZMhHstj/

Esse diálogo triste, retrata a solidão da mulher negra que, ainda hoje, sofre em relacionamento às escondidas.

Um diálogo que fala sobre a solidão mesmo estando acompanhada. O quão doloroso é estar com alguém que tem vergonha de assumi-la publicamente? O quão ferida fica a mulher que é vista apenas como objetivo sexual, dentro de uma hipersexualização do estereótipo da mulher negra?

O preterimento que corrobora a solidão, em detrimento da autoestima da mulher preta que anseia ser amada, respeitada e enxergada, apenas, como mulher.

 

 

 

Comments