30 anos da explosão do pagode: Ritmo continua sendo o mais querido do Brasil

0
30 anos da explosão do pagode: Ritmo continua sendo o mais querido do Brasil
Foi nos anos 90 que grupos como Raça Negra, Katinguelê e fSó Pra Contrariar estouraram no mercado e, mesmo após 30 anos desse “boom pagodeiro”, o ritmo ainda continua sendo um dos queridinhos dos brasileiros. E dentro desse cenário, novos grupos também se destacam, resgatando o estilo e as músicas românticas.


Um levantamento realizado pelo Spotify revelou o aumento na busca por músicas antigas do gênero, ao mesmo passo que ele tomou conta das lives nos últimos meses.


Prova disso foi o sucesso que o ritmo fez com as lives em um 2020 e tomando conta do cenário musical. Todo esse cenário se refletiu na indústria e nos números. A banda Akatu, por exemplo, já conquistou mais de 60 milhões de visualizações no Youtube e mais de 400 mil ouvintes mensais no Spotify. 
Desde o início da pandemia e a paralisação dos shows, o público vem buscando n a música relembrar e viver coisas boas e a tecnologia é um facilitador para isso. Segundo o Spotify, maior serviço de streaming por assinatura do mundo, a busca por canções antigas aumentou 54% em abril de 2020 e também foi possível sentir o aumento de playlists com esse recorte. 
“Nossos shows são uma mistura, cantamos nossas músicas autorais, mas os grandes sucessos do pagode e do samba não podem faltar no repertório para animar a galera”, explicou Ângelo, vocalista da banda Akatu. 

Comments

No posts to display