2020 vai ter “Feira Preta” sim, mas uma versão online com comprinhas, música e muito conteúdo

0
2020 vai ter “Feira Preta” sim, mas uma versão online com comprinhas, música e muito conteúdo
Foto - Reprodução Instagram Feira Preta

A edição online da Feira Preta 2020 é uma das boas notícias de um ano tão problemático, afinal se trata de um dos maiores eventos da comunidade negra da América Latina e a gente está merecendo um refresco.

A 19ª edição do evento acontece em novembro e é fruto de uma parceria entre a Feira Preta e o banco Santander.  Shows, palestras e workshops em celebração à cultura negra fazem parte da programação que será 100% virtual.

A parte das comprinhas fica por conta do portal PretaHub  que vai funcionar como um marketplace e já conta com 1.000 empreendedores cadastrados. O portal é lançado em novembro, mas ficará no ar de forma permanente. Informações pelo site https://pretahub.com/

Casa Preta Hub

Adriana Barbosa fundadora da Feira Preta  dá mais detalhes sobre o novo projeto Casa Preta Hub, mais um produto do Preta Hub, antigo Instituto Feira Preta com foco nos negócios negros em tempos digitais.

“Essa pandemia acelerou o processo de migração para o digital e os afroempreendedores ficaram para trás, seja pelo acesso à tecnologia, seja pelo acesso às estruturas, seja pelo acesso ao letramento digital. Então a Casa Preta Hub está sendo projetada para apoiar o empreendedor nesse processo. Digitalizar o negócio não é só colocar coisas na Internet, é ter um mindset digital”,  explica Adriana.

A empresária Adriana Barbosa fundadora do Preta Hub – Foto: Divulgação

A Casa está prevista para inaugurar em setembro e terá estúdios de audiovisual para gravação de música e podcasts, cozinha para gravar de programas de gastronomia, impressoras 3D, biblioteca, área de exposições e ambiente de loja compartilhada.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display