A roteirista Ana do Carmo é a nova contratada da Warner Bros

0
A roteirista Ana do Carmo é a nova contratada da Warner Bros
Foto: Milena Palladino

A cineasta baiana Ana do Carmo passou a integrar a equipe de um projeto de longa-metragem e é a nova roteirista contratada pela Warner Bros. Os detalhes da obra ainda não podem ser revelados. Em um ano, a roteirista já passou pela Netflix e pela Amazon.

“Desde que eu entrei para o cinema e me encontrei na área do roteiro se tornou um sonho pra mim trabalhar escrevendo para streamings. Tudo mudou quando eu fui uma das 16 selecionadas pro Colaboratório Criativo da Netflix, que é um programa de escrita de séries, voltado para roteiristas negres. Logo depois, fui chamada para trabalhar como uma das roteiristas para uma série da Amazon. Em seguida, recebi um convite para escrever, junto com outros dois roteiristas, um longa-metragem para a Warner Bros”, revela a cineasta.

Esses novos projetos executados por Ana têm ajudado a consolidar sua carreira como roteirista, principalmente por poder desenvolver obras com gêneros que mais se identificam. “É muito gratificante dizer que tenho trabalhado escrevendo o que eu mais gosto, que são filmes de gênero, terror, ficção científica, viagem no tempo, super-herói, ação. E cada projeto é um novo desafio”.

Desde o início deste ano, a cofundadora da produtora baiana, Saturnema Filmes, começou a ter a carreira agenciada pela Condé, o que tem ajudado a ter mais foco e direcionamento no seu trabalho. “Por muito tempo, eu fui tudo na minha carreira. Fui a minha própria agente, diretora, roteirista, editora, montadora, diretora de fotografia, distribuía meus filmes. Eu mesma era minha produtora e hoje conseguir focar apenas no roteiro pra mim está sendo fundamental”, comenta.

Foto: Milena Palladino

Mulheres Negras no Audiovisual

Aos 24 anos, Ana do Carmo avalia que a luta de mulheres negras no cinema, que já acontece há muitos anos, foi o que proporcionou que ela pudesse ocupar esse espaço no mercado audiovisual. “Eu só cheguei até aqui hoje onde eu estou, porque outras mulheres negras enxergaram meu potencial e me deram uma oportunidade, a primeira que eu precisei. Então, precisamos não só pensar na inserção de mulheres negras no mercado audiovisual de uma forma genérica, mas pensar na inserção de mulheres negras em espaços de poder dentro do audiovisual. É necessário mais mulheres negras como produtoras executivas, chefes de salas de roteiro, autoras, roteiristas”.

A interseccionalidade é um ponto de destaque em sua trajetória por ser mulher, negra e nordestina. “Foi muito desafiador ocupar esse espaço, uma vez que a maioria das produtoras e todos os canais de streaming não estão no Nordeste. Hoje posso dizer que sou uma mulher negra, nordestina, que trabalha profissionalmente como roteirista pra canais de streaming. Uma mulher negra que não saiu de Salvador e que tem conseguido trabalhar à distância, em home office. Mas, pra que hoje a gente tivesse mulheres negras que não precisem sair de suas casas, outras mulheres negras baianas precisaram fazer essa migração”.

Saturnema Filmes

Aos 24 anos, Ana do Carmo já coleciona prêmios. São mais de 20 conquistados no Brasil e no exterior, como diretora e roteirista. Em 2021, foi vencedora do Prêmio ABRA – Abraço em Excelência, premiação da Associação Brasileira de Autores Roteiristas voltada para novos talentos. Em março de 2022, foi estampada a capa da Revista PEGN como destaque das 30 jovens mulheres que estão inovando os negócios no Brasil. A cineasta está em processo de desenvolvimento do seu primeiro longa-metragem, Sol a Pino.

Ana do Carmo é cofundadora da Saturnema Filmes, ao lado do cineasta Ariel L. Ferreira, e conta com a produção executiva de Rubian Melo. A produtora baiana atua desde 2016 e tem mais de 30 prêmios em sua trajetória. Realizou curta-metragens selecionados para mais de 30 festivais em mais de 10 países, com exibição em plataformas de streaming como Wolo TV, Spcine Play, Todes Play e Originou. Tem 5 projetos em desenvolvimento, dentre eles longa-metragens e séries, que passaram por importantes eventos de mercado e rodadas de negócio como a Marché du Film do Festival de Cannes (França), European Film Market da Berlinale (Alemanha), South by Southwest (EUA), FIN Partners (Canadá), PLOT e Festival Guiões (Portugal). Em 2021, realizou uma edição do Películas Negras, curso de audiovisual voltado para moradores da periferia de Salvador.

Participe de nosso grupo no Telegram

Receba notícias quentinhas do site pelo nosso Telegram, clique no
botão abaixo para acessar as novidades.

Comments

No posts to display